Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/38735
Title: Influência do teor em matéria orgânica na redução da fluência por pré-carga: análise laboratorial
Authors: Vieira, Andreia Filipa Vicente 
Orientador: Oliveira, Paulo José Venda
Correia, António Alberto Santos
Keywords: Solos moles; aterros
Issue Date: 11-Apr-2016
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: A construção de aterros sobre solos moles acarreta problemas de estabilidade e elevados deslocamentos, tanto verticais como horizontais. Nestes solos, a presença de matéria orgânica contribui para a amplificação dos assentamentos, e que estes se prolonguem indefinidamente no tempo, mesmo sob carga constante. Para tal, a construção de estruturas sobre este tipo de solos só é possível com a utilização de técnicas de melhoramento e reforço de solos. Uma das técnicas mais antigas que tem sido aplicada é a metodologia da pré-carga, que tem como objetivo principal acelerar os assentamentos devidos à consolidação primária, bem como reduzir os assentamentos por consolidação secundária. Na dissertação apresentada, pretende-se analisar, por via laboratorial, a influência do teor de matéria orgânica na redução dos assentamentos por fluência do solo mole do Baixo Mondego quando submetido a pré-carga. Os parâmetros objeto de análise são o teor em matéria orgânica e o nível de pré-carga utilizado. A avaliação da compressibilidade, com particular enfoque na componente volumétrica da fluência, será efetuada por intermédio de ensaios edométricos. Depois de realizado o estudo, conclui-se que a presença da matéria orgânica influencia sobremaneira os assentamentos devido à fluência. Verificou-se que os solos com maior percentagem de teor em matéria orgânica apresentam um coeficiente de consolidação secundária mais elevado que aqueles em que a presença desta não é tao significativa, logo os assentamentos por fluência são de maior magnitude. No que diz respeito à metodologia da pré-carga, constatou-se que a sua utilização reduz os assentamentos por fluência, sendo que esta redução é mais eficiente quando usado o nível de pré-carga de maior magnitude.
The construction of embankments over soft soils is associated with stability problems and higher displacement that can occur vertically or horizontally. In these soils, the greater presence of organic matter contributes to the magnitude of the settlements, and these extend indefinitely over time even under constant load. To built this type of structures over this kind of soils is only possible with the use of improvements reinforcement and improvements techniques. One of the oldest techniques that have been applied is the preloading methodology that aims to speed up the settlements in time as well as reduce the settlements by secondary consolidation. The presented dissertation, is intended to analyze the influence of organic matter in the creep settlements reduction, using laboratory methods, reproducing the preloading method. The parameters of analysis are the amount of organic matter and the pre loading charge level used. The evaluation of compressibility, expressed by the volumetric creep component, will be obtained by edometric tests. After the performed study, it is concluded that the presence of organic matter greatly influences the settlement due to creep. In this experience, it has been verified that the soils with the biggest percentage of organic matter presents a higher coefficient of secondary consolidation that the ones where that organic matter is not so significant, so the settlements by creep are of greater magnitude. Concerning about the methodology of the pre-loading, it was verified that the reduction by pre-loading change was bigger for the level of pre-loading with highest magnitude
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Engenharia Civil apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
URI: https://hdl.handle.net/10316/38735
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
FCTUC Eng.Civil - Teses de Mestrado

Show full item record

Page view(s) 50

393
checked on May 28, 2024

Download(s)

317
checked on May 28, 2024

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.