Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/25720
Title: O bem-estar subjetivo na adolescência: contributo das variáveis sociodemográficas, personalidade e espiritualidade
Authors: Azevedo, Maria João Sá 
Orientador: Ferreira, Joaquim Armando Gomes Alves
Keywords: Bem-estar subjectivo - adolescente
Issue Date: 2013
Serial title, monograph or event: O bem-estar subjetivo na adolescência: contributo das variáveis sociodemográficas, personalidade e espiritualidade
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O presente estudo tem como objetivo esclarecer as relações que o bem-estar subjetivo, as variáveis sociodemográficas, as variáveis de personalidade/autoestima e as variáveis de espiritualidade estabelecem entre si. Mais especificamente, pretende-se avaliar se as variáveis de espiritualidade são melhores preditoras do bem-estar subjetivo do que as variáveis sociodemográficas e de personalidade/autoestima. Para tal, recorreu-se a uma amostra de 488 adolescentes, tendo sido aplicada uma bateria de questionários. Através das análises de regressões múltiplas hierárquicas conclui-se que apesar das variáveis de personalidade/autoestima, serem as melhores preditoras do bem-estar subjetivo, as variáveis de espiritualidade também se revelam preditoras significativas. Os resultados obtidos representam um passo importante para a compreensão do bem-estar subjetivo nesta etapa de vida, bem como para a definição de intervenções que visem a sua promoção.
The present study has the objective to explain the relationships that subjective well-being, sociodemographic, personality/self-esteem and spirituality variables establish among themselves. Specifically, intend to assess if the variables of spirituality are better predictors of subjective well-being comparing with the sociodemographic and personality/self-esteem variables. For this purpose, was used a sample of 488 teenagers, having been applied a questionnaires battery. The hierarchical multiple regression analyzes concluded that despite the personality/self-esteem variables, rich the best predictors of subjective well-being; spirituality variables also reveal significant predictors. The results represent an important step to the understanding of subjective well-being in this stage of life, and stretch the definition of interventions regarding their promotion.
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento, apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/25720
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese-Maria João.pdf1.23 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

602
checked on Apr 8, 2020

Download(s) 50

206
checked on Apr 8, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.