Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/15821
Title: Máquinas urbanas : a adaptação funcional dos grandes equipamentos em obsolescência
Authors: Baltazar, Rui Vítor Rico 
Orientador: Grande, Nuno Alberto Leite Rodrigues
Keywords: Equipamento urbano; Morfologia urbana; Desenvolvimento urbano, Europa, séc. 19-21; Urbanismo, Europa, séc. 19-21
Issue Date: Jun-2011
Citation: Baltazar, Rui Vítor Rico - Máquinas urbanas : a adaptação funcional dos grandes equipamentos em obsolescência. Coimbra, 2011.
Abstract: Esta dissertação foca-se na importância crescente detida pelos grandes equipamentos urbanos no desenvolvimento e caracterização do espaço da cidade tendo por base o estudo da sua evolução ao longo do tempo. No contexto europeu, pretende-se analisar o nascimento dos grandes equipamentos urbanos no século XIX, as circunstâncias da sua geração e o que os levou a tornarem-se máquinas geradoras de cidade, compreendendo-se o papel original das “máquinas urbanas” no panorama da Europa industrial. Centrando-se, de seguida, no Movimento Moderno e nas suas políticas de organização urbana, explanam-se as alterações do esquema funcional das cidades modernas e o seu efeito nas “máquinas urbanas” a nível programático e de integração no tecido da urbe. Dão-se a entender as consequências de uma nova abordagem à questão da conservação patrimonial que poderia levar grandes equipamentos urbanos a tornarem-se obsoletos. Do mesmo modo, pretende-se analisar as medidas que foram tomadas para retirar as “máquinas urbanas” do estado de obsolescência e as suas repercussões na caracterização e desenvolvimento urbano contemporâneo. A dissertação quer assim expor medidas de reestruturação urbana a partir de uma requalificação, apresentando exemplos contemporâneos concretos de reconversão e adaptação funcional. São analisados quatro exemplos reconhecidos pela crítica, situados em Espanha – o Museu de Arte Contemporânea de Vigo (Vigo); a Estação de Caminho de Ferro da Atocha (Madrid); o Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofia (Madrid); e o Mercado de Santa Caterina (Barcelona)– que representam apostas na qualificação e dinamização urbanas através da recuperação de grandes equipamentos urbanos. Em paralelo, analisam-se duas propostas de reconversão próximas de experiências pessoais do autor – o Cluster Cultural (Coimbra); e o Museu do Carro Eléctrico (Porto) – que remetem para uma hipotética aplicação de modelos de reconversão no panorama nacional português, utilizando como suporte os ensinamentos teóricos e práticos já consagrados.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitectura, apresentada ao Departamento de Arquitectura da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UC.
URI: http://hdl.handle.net/10316/15821
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Arquitectura - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Máquinas Urbanas - BALTAZAR, Rui.pdf43.63 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

573
checked on Nov 13, 2019

Download(s)

148
checked on Nov 13, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.