Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/13259
Title: Entrar de cabeça - Sauter à pieds joints: análise contrastiva de somatismo em português e em francês
Authors: Malho, Elise Jorge 
Orientador: Athayde, Maria Francisca
Rio-Torto, Graça
Keywords: Linguística contrastiva; Somatismo; Sociolinguística; Fraseologia; Expressão idiomática -- língua portuguesa; Expressão idiomática -- língua francesa
Issue Date: 2009
Citation: Malho, Elise Jorge - Entrar de cabeça - Sauter à pieds joints: análise contrastiva de somatismo em português e em francês. Coimbra, 2009
Abstract: Idiomatic expressions distinguish themselves not only for the specificities they expose in each language, but also for the flavour they give to communication, given the figural processing (metaphor, metonymy, synecdoche, euphemism, etc) in their creation. In addition, their rhetoric value should also be highlighted. Besides constituting an idiosyncratic phenomenon, idiomatic expressions – particularly somatic idioms – represent the experiences of a larger linguisticcultural community that shares not only civilizational origins, but also a biological element – the body – common to all human beings, regardless of their sociocultural location. As we know, the human body is the principal tool for apprehending and knowing what surrounds us. The main goal of this thesis is the contrastive analysis of somatic idioms from both Portuguese and French, in a morphosyntactic, lexical and semantic perspective, having in mind some aspects of teaching pertaining to this type of phraseme. I suggest a reflection on the concept of phraseology, its characteristics and scope, and the difficulties observed in research studies about this subject. Finally, the thesis addresses socio‐cultural questions, with the aim of discussing divergences and convergences between somatic idioms from the languages referred to above, contributing to the search for phraseological universals that demonstrate the growing globalization of both language and culture.
As expressões idiomáticas caracterizam‐se pelas particularidades que revelam de cada língua, bem como pelo colorido que imprimem à comunicação, dados os processos de transformação figural (metáfora, metonímia, sinédoque e eufemismo, entre outros) que estão na sua origem, sendo ainda de salientar a sua mais‐valia retórica. Para além de configurarem um fenómeno de tipo idiossincrático, as expressões idiomáticas – e, em particular, os somatismos – são também reflexo das vivências de uma comunidade linguístico‐cultural mais abrangente que partilha não só origens civilizacionais, como também um elemento biológico – o corpo –, comum a todos os seres humanos, independentemente das suas coordenadas socioculturais. Como sabemos, o corpo humano é o nosso principal instrumento de apreensão e conhecimento do mundo envolvente. O principal objectivo desta dissertação é a análise contrastiva de somatismos do Português e do Francês, numa perspectiva morfossintáctica, lexical e semântica, não esquecendo alguns aspectos relacionados com a didactização desse tipo de fraseologias. Propomos ainda uma reflexão sobre a definição de ‘fraseologia’, as propriedades do fenómeno fraseológico, bem como a diversidade do seu escopo e as dificuldades que se colocam aos trabalhos de investigação desenvolvidos nessa área. Por último, serão abordadas questões de índole sociocultural, com o objectivo de apurar divergências e convergências entre os somatismos do par de línguas em contraste, num contributo para a procura de universais fraseológicos que atestam a crescente globalização das línguas e das culturas.
Description: Dissertação de mestrado em Linguística e Ensino (Linguística Aplicada), apresentada à Fac. de Letras da Univ. de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/13259
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Secção de Português - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese_mestrado_Elise Malho.pdf1.57 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

392
checked on May 26, 2020

Download(s) 20

649
checked on May 26, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.