Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/106611
Title: Plataformas Digitais em tempo de Pandemia COVID-19: Utilização, constrangimentos e potencialidades em contexto educacional
Other Titles: Digital Platforms in the Time of the COVID-19 Pandemic: Use, constraints and potential in an educational context
Authors: Rocha, Idalino Medeiros
Orientador: Barreira, Carlos Manuel Folgado
Keywords: Plataformas Digitais; Pandemia COVID-19; Usos; Potencialidades; Constrangimentos; Digital Platforms; Pandemic COVID-19; Uses; Potentialities; Constraints
Issue Date: 28-Feb-2023
Serial title, monograph or event: Plataformas Digitais em tempo de Pandemia COVID-19: Utilização, constrangimentos e potencialidades em contexto educacional
Place of publication or event: Projeto DigP-SEM - Plataformas Digitais na gestão educacional dos agrupamentos de escolas
Abstract: Tendo em conta o contexto de pandemia COVID-19 e o maior recurso a plataformas digitais (PD), sobretudo nestes últimos anos de Ensino à Distância (E@D), que se vivenciaram, particularmente nos anos letivos 2019/2020 e 2020/2021, em que a utilização de meios digitais foi mais evidente, necessária e fundamental, para que se pudesse continuar o ensino, pelas contingências da própria conjuntura, pareceu-nos importante fazer um estudo de verificação das Plataformas Digitais (PD)/Learning Management Systems (LMS) que foram mais usadas nas escolas, procurando perceber os seus principais usos, potencialidades e constrangimentos, partindo das perceções do pessoal docente e alunos, isto é, daqueles que viveram e utilizaram em primeira mão essas mesmas tecnologias, bem como das perceções das lideranças de topo e intermédias relativamente ao seu uso. Com vista a atingir os objetivos de investigação, foram utilizados, para a recolha de informação, dois inquéritos por questionário utilizados no âmbito do projeto DigP-SEM, um para os docentes e outro para os alunos, tendo sido recolhidas 69 respostas de alunos do 12.º ano de escolaridade e de 24 respostas de docentes do ensino secundário. Por outro lado, foi também elaborado para o efeito um guião de entrevista para auscultar a opinião de informantes-chave sobre a temática em estudo.Embora os professores considerem que a utilização das PD apoia efetivamente o processo de ensino-aprendizagem, no sentido de melhorar a organização e a visibilidade de alguns temas nas suas aulas, e, também, contribuir para a motivação do aluno na sua aprendizagem, bem como partilhar recursos e efetuar a avaliação, ainda são pouco utilizadas no decurso das aulas. Assim, os professores utilizaram mais as PD para preparar as aulas e para a sua própria formação do que, para interagir com os alunos e promover as suas aprendizagens. Estes, por sua vez, utilizaram as PD para pesquisar e partilhar informação entre pares, e submeter trabalhos de avaliação, e não tanto no contexto de sala de aula. Durante o período de quarentena COVID-19, verificou-se um incremento do uso das PD, sobretudo ao nível da relação pedagógica e no processo de ensino aprendizagem. Questões como a qualidade do acesso à internet, existência de dispositivos em qualidade e quantidade suficiente, falta de capacitação digital e de formação por parte de docentes, foram constrangimentos visíveis que limitaram as potencialidades nos uso dessas tecnologias. Esta investigação vai ao encontro das preocupações presentes no projeto DigP-SEM como a promoção de uma utilização mais eficaz das PD, a fim de quebrar as barreiras comunicacionais entre professores, famílias e comunidade, permitindo uma melhor gestão educativa com efeitos no desenvolvimento de projetos educativos que assegurem sequencialmente a continuidade curricular e contribuam para um processo educativo adequado e contextualizado.
Considering the context of the COVID-19 pandemic and the greater use of digital platforms (DPs), especially in these last years of Distance Learning (E@D), which were experienced, particularly in the school years 2019/2020 and 2020/2021, in which the use of digital media was more evident, necessary and essential, to be able to continue teaching, due to the contingencies of the situation itself, It seemed important to us to make a verification study of the Digital Platforms (DP)/Learning Management Systems (LMS) that were most used in schools, trying to understand their main uses, potential and constraints, based on the perceptions of the teaching staff and students, i.e., those who have experienced and used firsthand these technologies, as well as the perceptions of top and middle management regarding their use. In order to achieve the research objectives, two questionnaire surveys used within the DigP-SEM project were used to collect information, one for teachers and another for students. 69 answers were collected from 12th grade students and 24 answers from secondary school teachers. On the other hand, an interview guide was also prepared to listen to the opinion of key informants on the subject under study.Although teachers believe that the use of DPs effectively supports the teaching-learning process by improving the organization and visibility of some topics in their classes, and also by contributing to student motivation in learning, as well as sharing resources and carrying out assessment, they are still little used in the course of the classes. Thus, teachers used PD more to prepare lessons and for their own training than to interact with students and promote their learning. Students, in turn, used DPs to research and share information among peers, and to submit assessment assignments, and not so much in the classroom context. During the COVID-19 quarantine period, there was an increase in the use of DPs, particularly at the level of the pedagogical relationship and in the teaching learning process. Issues such as the quality of Internet access, the existence of devices in sufficient quality and quantity, the lack of digital qualification and training of teachers were visible constraints that limited the potential of the use of these technologies. This research meets the concerns present in the DigP-SEM project as the promotion of a more effective use of DPs, in order to break the communicational barriers between teachers, families and community, allowing a better educational management with effects on the development of educational projects that sequentially ensure curricular continuity and contribute to an adequate and contextualized educational process.
Description: Dissertação de Mestrado em Administração Educacional apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: https://hdl.handle.net/10316/106611
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat
Tese___Idalino.pdf1.93 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

57
checked on Apr 16, 2024

Download(s)

164
checked on Apr 16, 2024

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons