Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/101836
Title: [Re]interpretar e [Re]habilitar o Mosteiro de Santa Cruz
Other Titles: [Re]interpret and [Re]habilitate the Santa Cruz Monastery
Authors: Rebelo, Gabriela Marques
Orientador: Ribeiro, João de Lima Mendes
Lobo, Rui Pedro Mexia
Keywords: Mosteiro de Santa Cruz; Fonte da Manga; reabilitação; reuso; museu; santa cruz monastery; Fountain of manga; rehabilitation; reuse; museum
Issue Date: 25-Mar-2022
Serial title, monograph or event: [Re]interpretar e [Re]habilitar o Mosteiro de Santa Cruz
Place of publication or event: Universidade de Coimbra
Abstract: Desde cedo na história de Portugal, particularmente da cidade de Coimbra, o Mosteiro de Santa Cruz estabeleceu-se como um ponto de referência para aquilo que foi o desenrolar e desenvolvimento da História. O complexo, existente desde o século XII, foi ao longo de diferentes períodos da história alvo de diversas reformas, tendo não só ganho novas construções, como também sofrendo perdas. Precisamente por culpa da inexorável passagem do tempo e pelo desenvolvimento da sociedade citadina, é possível perceber que o mosteiro e as suas dependências sofreram, principalmente na contemporaneidade, de uma negligência que resultou na desvirtualização do Mosteiro, seja através da diluição dos edifícios que outrora lhe pertenceram, seja através da dispersão do seu espólio.Como parte desse conjunto, a fonte renascentista da Manga, assumia-se como elemento central de um claustro, enquadrada por um corpo que permitia a ligação entre o mosteiro e a Fonte. No entanto, sem essa conexão, o espaço que restou vê-se desprotegido e descaracterizado, carecendo de um elemento que lhe dê identidade, ou que pelo menos fizesse associar-lhe essa identidade como parte integrante do mosteiro.Desta forma, a presente dissertação, tendo como tema central o tema construir no construído, e como principal objetivo propor uma nova leitura do conjunto do Mosteiro e da Fonte da Manga, permitindo a sua recontextualização no espaço urbano da cidade. Assim, pretendeu-se responder a três problemáticas principais: a reunião de todo o espólio existente e da sua exposição no espaço do Mosteiro, a atribuição de uma nova funcionalidade e vivência neste monumento propondo um núcleo interpretativo e museológico, e por fim, a reformulação da relação entre a Fonte da Manga, o Mosteiro e a Cidade. Em suma, procura-se estabelecer um diálogo entre a preexistência e novo, numa linguagem coerente, redesenhando simultaneamente o espaço urbano envolvente.
From early on in portugal’s history, particularly in the city of coimbra, the santa cruz monastery established itself as point of reference in the country’s timeline. The structure emerged in the xii century, underwent several substantial reforms, gaining new constructions and losing pieces that made it whole. Because of the inexorable passage of time and the social development of the townsfolk, the monastery and its areas show a shadow of its former grander self. In these modern times the monastery suffered negligence, by means of inattention towards the remaining fragmented buildings and the dispersal of its artwork.Part of the monastery, the renaissance fountain of manga, appeared as central element of a cloister, that was framed by a mass connecting the monastery and the fountain. However, without this surrounding link, the space currently rests unprotected and uncharacterized, like losing an element that gives one identity, in other words, separating itself as an integral part of the monastery.In short, this present dissertation, with to build on the built as its main theme and with the prime objective of proposing a new perspective for the monastery and the fountain of manga, that allows for a recontextualization alongside the city's urban space. Therefore, it’s intended to respond to three main issues: the reunion of all artworks and their exhibition inside the monastery, the new functionality and life of the monument by an implantation of an interpretational and museum center, and lastly, the reformulation of the relationship between the fountain of manga, the monastery, and the city. In short, it seeks to establish a dialogue between the pre-existing and the new, in a coherent language, simultaneously redesigning the surrounding urban space.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitetura apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: https://hdl.handle.net/10316/101836
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO GABRIELA REBELO .pdf70.05 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

53
checked on Feb 20, 2024

Download(s)

17
checked on Feb 20, 2024

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons