Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/87475
Title: Santa Isabel, medianeira da Paz e mãe da Pátria, na Grande Guerra
Authors: Rebelo, António Manuel Ribeiro 
Keywords: Rainha Santa Isabel; paz; Grande Guerra; devoção; religião
Issue Date: 2018
Publisher: UTAD / Edições Vercial
Serial title, monograph or event: Portugal na (e no Tempo da) Grande Guerra
Volume: 1
Abstract: Sendo a Virgem Maria invocada como Rainha da Paz, Santa Isabel era invocada pela igreja portuguesa como Mãe da Paz e da Pátria. Mãe da paz por ter sido uma grande medianeira na resolução de conflitos graves em toda a Península Ibérica. Os sucessos por ela obtidos na construção da paz mobilizaram sempre os seus devotos na sua invocação na qualidade de medianeira da paz, não só no plano particular e familiar, mas também perante conflitos bélicos de larga projecção ou âmbito, como é o da Grande Guerra. A crueza dos combates, as muitas baixas, as notícias e relatos que chegavam das trincheiras, a triste realidade transmitida pela experiência dos que tinham a fortuna de regressar com vida moveram um país em preces junto da sua Mãe da Paz e da Pátria. Tal foi a acorrência dos fiéis ao túmulo de Santa Isabel que a sua Confraria pôde dar início a iniciativas de cariz social, tanto tempo adiadas, e que inspiraram outras iniciativas, entre as quais se encontra a Obra da Rua do Padre Américo, vulgarmente conhecida como Casa do Gaiato.
URI: http://hdl.handle.net/10316/87475
ISBN: 9789897043482
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CECH - Capítulos (ou partes) de Livros

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Santa Isabel, medianeira da Paz e mãe da Pátria, na Grande Guerra.pdf1.38 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

29
checked on Jan 15, 2020

Download(s)

15
checked on Jan 15, 2020

Google ScholarTM

Check

Altmetric


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons