Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/85428
Title: O POTENCIAL DA IMAGEM CINEMATOGRÁFICA NO ENSINO-APRENDIZAGEM DA FILOSOFIA NO ENSINO SECUNDÁRIO: DISPOSITIVOS DIDÁCTICOS DE ANÁLISE.
Other Titles: The potential of the cinematographic image in the teaching-learning process of Philosophy: Didatic Devices for analysis.
Authors: Lima, Milton Porto 
Orientador: Umbelino, Luís António Ferreira Correia
Keywords: Filosofia; Ensino Secundário; Cinema; Didática da Filosofia; Estratégias Didáticas; Philosophy; High-School; Cinema; Didatic; Didatic Strategies
Issue Date: 24-Jul-2017
Serial title, monograph or event: O POTENCIAL DA IMAGEM CINEMATOGRÁFICA NO ENSINO-APRENDIZAGEM DA FILOSOFIA NO ENSINO SECUNDÁRIO: DISPOSITIVOS DIDÁCTICOS DE ANÁLISE.
Place of publication or event: Universidade de Coimbra
Abstract: O presente relatório refere-se a um período de prática pedagógica supervisionada inserida no último ano do curso de segundo ciclo em Ensino de Filosofia no Ensino Secundário, MEFES, atendido na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. O período referido foi desenvolvido na escola secundária Dr. Joaquim de Carvalho , na Figueira da Foz, tendo como orientadora de escola a professora Cândida Ferreira e como orientadores de Faculdade os professores Prof. Doutor Luís Umbelino e Prof. Doutor Diogo Ferrer.Em termos legais, a prática pedagógica supervisionada acima enunciada, também denominada de estágio curricular, encontra-se prevista de acordo com o Decreto-Lei nº 43/2007 de 22 de Fevereiro . Este decreto-lei determina, tendo em vista uma maior qualificação do corpo docente, as condições de atribuição de habilitação para a docência, isto é, as condições de acesso ao exercício da atividade docente no ensino básico e secundário, sendo para o efeito obrigatório, no nosso caso - Filosofia -, a conclusão do mestrado específico relativo ao ensino de Filosofia no ensino secundário. Assim sendo, este relatório de estágio surge a partir dessa mesma prática pedagógica supervisionada, tendo como o objetivo a conclusão do mestrado e consequente obtenção do correspondente grau de mestre que, em termos profissionais, nos garante o acesso à carreira de docente.No que diz respeito ao estágio em si, de referir que a lecionação decorreu numa turma do ensino secundário, já que em Portugal o ensino público de Filosofia está pensado apenas para este nível, mais precisamente na turma F do 10º ano da escola Dr. Joaquim de Carvalho. Ainda que esta tenha sido, em rigor, uma turma atribuída à nossa orientadora de escola, a verdade é nunca deixámos de nos sentir, como de resto não poderia deixar de ser, inteiramente responsáveis por todos os alunos e, nesse sentido, durante o decorrer de todo o nosso estágio curricular intentamos ser o mais profissionais possível. Para o efeito, e tendo em conta os documentos oficiais, procurámos guiar-nos constantemente pelos objetivos que orientam o ensino no ensino secundário e que se encontram presentes no artigo nono, subsecção II, da secção II previsto na Lei n.º 49/2005 de 30 de Agosto. Estes foram sem dúvida importantes orientações para a nossa prática pedagógica supervisionada. Não obstante, apresentamos também neste relatório uma reflexão acerca da importância da educação e do ensino da Filosofia no ensino secundário, na qual abordamos as metodologias próprias do trabalho filosófico em sala de aula.Neste relatório procuramos analisar questões como: 1- Qual o propósito, objectivo ou finalidade da educação de forma a corresponder aos desafios do século XXI? 2- Qual o papel da Filosofia numa educação que visa corresponder a tais desafios? 3- A que faixas étarias se deve ensinar Filosofia? 4- Como se deverá encarar o ensino da Filosofia, no que diz respeito ao ensino secundário, para que o seu ensino seja bem-sucedido? 5- Que estratégias didácticas utilizar em sala de aula? Neste contexto, procurámos centrar-nos, mais do que em outras mencionadas, na utilização e análise da imagem cinematográfica nas aulas de Filosofia no ensino secundário com o propósito de afirmar e demonstrar a sua mais-valia neste âmbito. Para isso recorremos à seleção um fragmento fílmico, concebendo para este vários dispositivos didáticos de análise, que permitem guiar e exemplificar com sucesso o processo de ensino-aprendizagem com base nestes recursos.
The following report concerns one year of internship regarding the last year of a Master's Degree in Teaching Philosophy in High-School, MEFES, cursed at "Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra". The internship took place at Dr. Joaquim de Carvalho School, Figueira da Foz, having professor Candida Ferreira as the mastermind provided by the school, to help and guide us in our internship. As masterminds from the University, mentoring our work, we had professor Luís Umbelino and professor Diogo Ferrer.In legal terms, our internship, described above, is previewed according to the "Decreto-lei nº 43/2007 de 22 de Fevreiro". In short, this law, in order to enhance de quality of the teachers in portuguese schools, states that it is necessary a master's degree to become a professional in the education field; in other words, to be legaly able to teach in Portugal.In pratical terms, all the work we have done concerned an high-school class, from the 10th grade, that was given to the care and knowledge of Professor Candida Ferreira. She was the theacher responsible for the student's and to make sure our work, 12 classes, with them was well done. With that said, this report emerge to discuss all the work done at Dr. Joaquim de Carvalho School.None the less, we also develop here a brief reflection concerning the importance of education and, in that matter, the importance of teaching and learning Philosophy in highschool, in which we focus on the teaching methods that can and should be used in the class to enhance the it's quality.In this subject we considered the following questions:1 - What is the purpose and the mission of education on the 21st century?2 - Is Philosophy important and helpful in succeding and achieving the goals established for and education in those terms?3 - Should Philosophy be teached at what age/what classes in school?4 - What is needed to be done in order to teach Philosophy propperly in High-School (discussing specifically the Portuguese panorama)? 5 - Wich Didactic Strategies should and need to take place in Philosophy classes to enhance it's quality? In this matter we decided to investigate, deeper that the others we mention, about the cinematographic image, aiming to state and demonstrate its importance in the process of teaching and learning in the Philosophy class.With that in our mind we recur to a selection of one film fragments, creating for it didactic devices that guide and exemplify successfully this process - something we also did in our internship .
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Em Ensino de Filosofia no Ensino Secundário - extinto apresentado à Faculdade de Letras
URI: http://hdl.handle.net/10316/85428
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
MiltonLima_VersãoDefinitiva.pdf2.31 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

322
checked on Mar 25, 2020

Download(s)

297
checked on Mar 25, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons