Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/83512
Title: Ácaros e asma
Authors: Raposo, Maria Inês Parece Pereira 
Orientador: Luís, António Segorbe
Loureiro, Graça
Keywords: Ácaros; Asma; Peneumologia; Imunoterapia
Issue Date: Mar-2013
Abstract: Introdução: A asma constitui um grave problema de saúde pública em todo o mundo, cuja prevalência tem aumentado drasticamente nas últimas décadas. A mortalidade e os custos envolvidos são igualmente consideráveis. Torna-se assim fundamental explorar fatores que estão na origem desta patologia, salientando-se neste trabalho o papel causal e exacerbador desempenhado pelos ácaros do pó doméstico na asma e noutras doenças respiratórias alérgicas. Materiais e Métodos: Foi realizada uma pesquisa detalhada da literatura consagrada e indexada, centrada em artigos de referência da Pubmed, além do recurso a livros, guidelines e revistas científicas da área. Desenvolvimento: Os ácaros são a principal fonte de alergénios do pó das casas, salientando-se o papel das espécies Der p, Der f e Eur m na doença respiratória alérgica. A atividade enzimática dos alergénios facilita a sua patogenicidade no desenvolvimento de uma resposta imunológica responsável pela asma alérgica. O historial de atopia confere uma predisposição global ao desenvolvimento de doença alérgica. Têm sido desenvolvidos diversos estudos científicos centrados nas medidas de controlo ambiental dos ácaros do pó doméstico e na imunoterapia com extratos de ácaros, como alvos terapêuticos e preventivos da asma alérgica, porém com alguns resultados discrepantes. Conclusão: Potenciais interações gene-ambiente constituem a etiologia da sensibilização aos ácaros do pó doméstico e surgimento de asma alérgica. Os ácaros do pó doméstico são difíceis de reduzir e impossíveis de erradicar, pelo que as medidas de evicção dos mesmos evidenciam pouco benefício clínico, quer a nível terapêutico como preventivo. Neste sentido, são defendidas abordagens multifacetadas e personalizadas individualmente. Relativamente à imunoterapia com extratos de ácaros, apesar da sua eficácia comprovada por diversos estudos, esta deve ser reservada como terapêutica para determinadas situações, não apresentando indicação no campo preventivo. Atendendo ao impacto económico da asma justificam-se estudos mais aprofundados acerca da patogenicidade dos ácaros, bem como das medidas de evicção aos ácaros do pó doméstico e da imunoterapia com extratos de ácaros, no sentido de aperfeiçoamento de estratégias terapêuticas e preventivas
Introduction: Asthma is a serious public health problem worldwide and its prevalence has increased dramatically in recent decades. Mortality and costs involved are also considerable. It thus becomes crucial to explore factors that are the cause of this disease, emphasizing, in this work, the causal and exacerbator role played by house dust mites in asthma and other allergic respiratory diseases. Materials and Methods: We performed a detailed survey of the literature devoted and indexed, centered on the Pubmed reference articles, plus the use of books, journals and guidelines in the area. Development: Dust mites are a major source of house dust allergens, emphasizing the role of species Der p, Der f Eur m on allergic respiratory disease. The enzymatic activity of allergens facilitates their pathogenicity in the development of an immune response responsible for allergic asthma. The history of atopy confers a predisposition to the overall development of allergic disease. There have been developed several scientific studies focused on environmental control measures of house dust mites and immunotherapy with extracts of mite, as preventive and therapeutic targets allergic asthma, although some conflicting results. Conclusion: Potential gene-environment interactions are the cause of sensitization to house dust mites and onset of allergic asthma. The house dust mites are difficult to reduce and impossible to eradicate, so the eviction of these measures show little clinical benefit, both at therapeutic and preventive. In this sense, multifaceted approaches are advocated and individually customized. Regarding immunotherapy with mite extracts, despite its clinical efectiveness proven by several studies, this should be reserved as a treatment for certain situations, not indicated in the preventive field. Given the economic impact of asthma, further studies on the pathogenicity of the mites are needed. Measures of eviction to house dust mites and mite immunotherapy extracts are also justified in order to improve preventive and therapeutic strategies
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina área científica de Pneumologia, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/83512
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
tese ácaros SL IMPRIMIR.pdf877.88 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

37
checked on Oct 23, 2019

Download(s)

111
checked on Oct 23, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.