Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/83355
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCaperta, Ana Cristina Delaunay-
dc.contributor.advisorLoureiro, João Carlos Mano Castro-
dc.contributor.authorGonçalves, Joana Maria Ferreira-
dc.date.accessioned2018-12-22T19:21:53Z-
dc.date.available2018-12-22T19:21:53Z-
dc.date.issued2017-01-06-
dc.date.submitted2019-01-19-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10316/83355-
dc.descriptionDissertação de Mestrado em Biodiversidade e Biotecnologia Vegetal apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia-
dc.description.abstractAs actividades humanas têm hoje em dia um grande peso nos habitats naturais e na sua biodiversidade. A prática de pastoreio extensivo é uma técnica que tem sido descrita como uma boa forma de gestão de habitats, apesar das opiniões sobre os seus efeitos serem contraditórias.Este trabalho teve como objectivo avaliar o impacto do pastoreio na diversidade florística e no êxito reprodutivo de uma espécie bioindicadora dos habitats estudados. Para isso foi estudada uma área da Serra de Candeeiros na qual foi desenvolvido o projecto para a conservação da Gralha-de-bico-vermelho e onde foram criadas 10 parcelas vedadas (sem pastoreio) e 10 não vedadas (com pastoreio). Nessas parcelas foram realizados 1) inventários florísticos de todo o coberto; 2) avaliada a diversidade de espécies, a caracterização citogenética e o número de indivíduos da família Orchidaceae; e 3) quantificado o sucesso reprodutivo de uma espécie da família Orchidaceae existente na maioria das parcelas, Orchis anthropophora. Com estes estudos foi possível observar que o pastoreio tem uma ação positiva no desenvolvimento de espécies vegetais, em particular nas Orchidaceae. Quanto ao sucesso reprodutivo de Orchis anthropophora, verificou-se que este não é afetado pelo pastoreio, sendo o sucesso reprodutivo baixo quer na presença quer na ausência de pastoreio. As análises de citometria de fluxo tiveram como objectivo a caracterização das espécies existentes e a confirmação da classificação taxonómica feita no local. Através destes estudos foi possível obter informação sobre o tamanho de genoma para duas espécies para as quais ainda não existem quaisquer dados na literatura. Para além disso, conseguimos demonstrar usando duas espécies, Serapias strictiflora e Serapias parviflora, que a utilização das polinias como material vegetal é um método muito mais eficaz de quantificar o tamanho de genoma na família Orchidaceae, em comparação com a utilização de material foliar. Concluindo, estes resultados reafirmam a teoria de que o pastoreio extensivo pode ser utilizado como estratégia de manutenção de alguns habitats, uma vez que no presente estudo houve um aumento da diversidade de espécies e das espécies bioindicadores da família Orchidaceae. Assim, este estudo pode ser a base de outros trabalhos sobre este tema e até ajudar a promover esta técnica de manutenção, para que possa ser posta em prática noutros locais. .por
dc.description.abstractNowadays, natural habitats and their biodiversity are widely affected by human activities. The practice of extensive grazing has been described as a good technique of habitat management, although the opinions about their results are contradictory.The objective of this study was to evaluate the impact of grazing in floral diversity and reproductive success of a bioindicator species of the studied habitats. In this context, an area in Serra dos Candeeiros was chosen, in which a conservation project of the species Gralha-de-bico-vermelho was developed and where 10 plots without grazing and other 10 plots with grazing had been established. The following parameters were assessed in the established plots: 1) overall plant species diversity; 2) diversity of species, cytogenetic characterization and number of individuals of Orchidaceae; and 3) reproductive success of a species of Orchidaceae abundant in the study sites, Orchis anthropophora. With this work we observed that grazing has a positive effect in the development of plant species, in particular the ones from Orchidaceae family. The analysis of reproductive success in Orchis anthropophora showed that grazing has no effect in the fruit production, which revealed to be low in both cases. Flow cytometric analysis were used with the objective of a better characterization of the species and to confirm the taxonomic classification. Through these studies it was possible to obtain information on the genome size of two species for which there was no information available. Furthermore, using the species Serapias strictiflora e Serapias parviflora, we could support the hypothesis that the use of pollinium in flow cytometry is a much more effective method for genome size quantification for species of Orchidaceae.In conclusion, the results obtained support the theory that extensive grazing can be used as an effective technique of habitat management, since we observed an increase of species diversity, in particular in the bioindicator species of Orchidaceae. Therefore, this work can be used as a starting point for other studies about habitat management by grazing. .eng
dc.language.isopor-
dc.rightsembargoedAccess-
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/-
dc.subjectcitometria de fluxopor
dc.subjectgestão de habitatspor
dc.subjectpastoreiopor
dc.subjectsucesso reprodutivopor
dc.subjectdiversidade florísticapor
dc.subjectfloral diversityeng
dc.subjectflow cytometryeng
dc.subjectgrazingeng
dc.subjecthabitat managementeng
dc.subjectreproductive successeng
dc.titleCaracterização de populações de Orquídeas em zonas sujeitas a pastoreiopor
dc.title.alternativeCharacterization of Orchidaceae populations in areas of grazingeng
dc.typemasterThesis-
degois.publication.locationCentro de Ecologia Funcional, DCV, FCTUC-
degois.publication.titleCaracterização de populações de Orquídeas em zonas sujeitas a pastoreiopor
dc.date.embargoEndDate2017-07-05-
dc.peerreviewedyes-
dc.date.embargo2017-07-05*
dc.identifier.tid202123189-
thesis.degree.disciplineBiologia e Ciências do Ambiente-
thesis.degree.grantorUniversidade de Coimbra-
thesis.degree.level1-
thesis.degree.nameMestrado em Biodiversidade e Biotecnologia Vegetal-
uc.degree.grantorUnitFaculdade de Ciências e Tecnologia - Departamento de Ciências da Vida-
uc.degree.grantorID0500-
uc.contributor.authorGonçalves, Joana Maria Ferreira::0000-0001-9923-9211-
uc.degree.classification18-
uc.date.periodoEmbargo180-
uc.degree.presidentejuriPortugal, António Manuel Santos Carriço-
uc.degree.elementojuriCaperta, Ana Cristina Delaunay-
uc.degree.elementojuriMonteiro, Filipa Isabel de Almeida-
uc.degree.elementojuriGonçalves, Maria Teresa Silva-
uc.contributor.advisorCaperta, Ana Cristina Delaunay-
uc.contributor.advisorLoureiro, João Carlos Mano Castro::0000-0002-9068-3954-
item.openairecristypehttp://purl.org/coar/resource_type/c_18cf-
item.openairetypemasterThesis-
item.cerifentitytypePublications-
item.grantfulltextopen-
item.fulltextCom Texto completo-
item.languageiso639-1pt-
crisitem.advisor.orcid0000-0002-9068-3954-
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese - Joana Gonçalves.pdf8.64 MBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons