Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/82830
Title: Acupunctura como complemento terapêutico : a propósito de um caso clínico
Authors: Rosete, Manuel Fernandes Lourenço e Gonzalez 
Orientador: Cabrita, António Manuel Silvério
Rodrigues, Luís Joaquim Lopes André
Keywords: Medicina tradicional; Acunpunctura; Terapia por acunpunctura; Espondilolistese
Issue Date: 2011
Abstract: Introdução: A acupunctura começou por ser um ramo da Medicina Tradicional Chinesa sendo, actualmente, um método de tratamento considerado complementar, de acordo com a nova terminologia da Organização Mundial de Saúde. Desde 14 de Maio de 2002, está aprovada como competência médica pela Ordem dos Médicos. Consiste na aplicação de agulhas em pontos definidos do corpo de forma a obter efeito terapêutico em diversas condições, patológicas e não patológicas. Este trabalho tem como ponto de partida um caso clínico em que a acupunctura foi usada como terapêutica complementar. Incide essencialmente sobre a vertente analgésica da acupunctura que leva, como neste caso, a uma melhoria significativa do bem-estar dos doentes, quer a nível semiológico quer a nível psicológico, melhorando o seu quotidiano, não descurando o verdadeiro tratamento da patologia em causa. Por último, aborda-se a temática dos efeitos adversos dos fármacos quando usados em terapêutica crónica. Caso clínico de retrolistesis de grau II/V de L4-L5 com sintomatologia dolorosa sobre a face lateral de ambas as coxas sem compromisso neurológico significativo. A doente foi sujeita a sessões semanais de acupunctura negativando toda a sintomatologia dolorosa. Entretanto foi encaminhada para avaliação pela Neurocirurgia. De salientar que a doente, após o início das sessões de acupunctura, abandonou toda a sua terapêutica analgésica, que incluía três variedades de anti-inflamatórios não esteróides de dosagens elevadas. A doente foi submetida a uma correcção cirúrgica da coluna lombar de forma a impedir a evolução da sua patologia de base. Actualmente a doente encontra-se assintomática, não tendo sido necessárias sessões adicionais de acupunctura após cirurgia nem terapêutica medicamentosa. Conclusões: Neste trabalho foram discutidos os mecanismos envolvidos no efeito analgésico originado pela acupunctura assim como as características da dor descrita pela doente e sua correlação com a analgesia e alívio sintomático gerados pela acupunctura. Relacionaram-se os efeitos adversos de acupunctura com AINE’s e concluiu-se que a acupunctura é um tratamento relativamente seguro quando comparado com estes. Concluiu-se, também, que a acupunctura podia ter efeitos deletérios sobre a condição clínica pré-cirúrgica da doente visto que a analgesia propiciou a doente a realizar esforços mais vigorosos, anteriormente impossíveis por dor, que podiam agravar rapidamente a sua situação anatómica de risco com grave prejuízo neurológico subsequente.
Introduction: Acupuncture began as a branch of Traditional Chinese Medicine and is currently considered a complementary treatment method in accordance with the new terminology of the World Health Organization. Since May 14th, 2002 that i tis approved as medical competence by the Portuguese Medical Association. Acupuncture involves application of needles in defined points of the body in order to obtain therapeutic effect in either pathological or nonpathological conditions. This paper has its starting point in a case in which acupuncture was used as adjunctive therapy. Focused, primarily, on the aspect of acupuncture analgesia mechanisms which leads, in this case, into a significant improvement in the welfare of the patient, both at the psychological and at semiological level. Finally, we dealt with the issue of adverse effects of drugs when used in chronic therapy. Clinical Case of grade II/V retrolistesis L4-L5 with painful symptoms on the external side of both thighs without significant neurologic compromise. The patient was subjected to weekly sessions of acupuncture negated all the painful symptoms. However, she was referred for evaluation by neurosurgery. Importantly, the patient, after the start of the acupuncture sessions, abandoned all the analgesic treatment, which included three varieties of antiinflammatory drugs in high dosages. The patient underwent a surgical correction of the lumbar spine to prevent the development of its underlying pathology. Currently, the patient is asymptomatic with no need for additional sessions of acupuncture or drug therapy after surgical correction. Conclusion: In this paper we discussed the mechanisms involved in the analgesic effect caused by acupuncture and the characteristics of the pain described by patients and its correlation with analgesia and symptomatic relief produced by acupuncture. We related to the adverse effects of acupuncture with NSAIDs and concluded that acupuncture is a relatively safe treatment when compared with these. We also concluded that acupuncture could have deleterious effects on the clinical condition of the patient pre-operative analgesia since allowed the patient to make more vigorou efforts, previously impossible due to pain, which could worsen quickly her anatomical situation with subsequent severe neurological impairment.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina área científica de Acupunctura, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: https://hdl.handle.net/10316/82830
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
trabalho final (Manuel Rosete).pdf5.81 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

376
checked on Feb 20, 2024

Download(s)

412
checked on Feb 20, 2024

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.