Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/82116
Title: Estudos geológico-geotécnicos de obras ferroviárias de carga. O Ramal Ferroviário Sudeste do Pará (Brasil).
Other Titles: Geological and geotechnical studies for freight railways works. Ramal Ferroviário Sudeste do Pará (Brazil).
Authors: Oliveira, Priscilla Hamada Pessoa de 
Orientador: Ferreira, Mário de Oliveira Quinta
Keywords: estudos geológicos; estudos geotécnicos; obras ferroviárias; ferrovias de carga; estudos geológico-geotécnicos; geological studies; geotechnical studies; railway works; freight railways; geological-geotechnical studies
Issue Date: 20-Jul-2017
Serial title, monograph or event: Estudos geológico-geotécnicos de obras ferroviárias de carga. O Ramal Ferroviário Sudeste do Pará (Brasil).
Place of publication or event: Portugal
Abstract: The current Brazilian railway system is 29 291 km long, with the railway network concentrated in the south, southeast and northeast of the country. This is a modest system, considering the continental dimensions of Brazil, which represents a density of 3.6 km of railway lines per 1,000 km² of territory. One of the major challenges of the Brazilian railway sector is the renewal and expansion of the Brazilian rail network, where it is important to know the terrain crossed by the railway to avoid geological and geotechnical problems, or to propose measures for, as they can result in an increase in costs and delays during construction, and may also interfere with the operation of the line, representing numerous constraints and high costs.Considering the expected development of new rail freight projects in Brazil and the shortage of professionals and specialized studies in this area, this work aimed to increase the knowledge regarding the construction of new railways, from the point of view of Geotechnics, more specifically in the development of the geological-geotechnical studies, using as a case study the Ramal Ferroviário Sudeste do Pará.In addition to the general aspects of the geological-geotechnical studies developed during the Ramal Ferroviário Sudeste do Pará, the research methods and the particularities associated with the study of different works were analyzed, where they were considered in greater detail and as an example: an excavation, a landfill, a bridge, a tunnel and the prospecting of natural building materials for sub-ballast and ballast.
O atual sistema ferroviário brasileiro possui 29 291 km de extensão, com concentração da malha ferroviária nas regiões sul, sudeste e nordeste do país. Trata-se de um sistema modesto, tendo em vista as dimensões continentais do Brasil, que representa uma densidade de 3,6 km de linhas férreas por 1 000 km² de território.Um dos grandes desafios do setor ferroviário brasileiro é a renovação e ampliação da malha ferroviária brasileira, onde destaca-se a importância de conhecer os terrenos atravessados pelos traçados da ferrovia com o objetivo de evitar problemas de ordem geológica e geotécnica, ou de propor medidas para os solucionar, pois podem resultar num aumento dos custos e dos prazos de construção, podendo também interferir na operação da linha, representando inúmeros constrangimentos e elevado custo.Considerando a previsão de desenvolvimento de novos projetos ferroviários de carga no Brasil e a carência de profissionais e estudos especializados nesta área, procurou-se com este trabalho ampliar os conhecimentos relativos à construção de novas ferrovias, sob o ponto de vista da Geotecnica, mais especificamente no desenvolvimento dos estudos geológico-geotécnicos, utilizando como estudo de caso o Ramal Ferroviário Sudeste do Pará.Para além dos aspectos gerais do estudos geológico-geotécnicos desenvolvidos ao longo do projeto do Ramal Ferroviário Sudeste do Pará, foram analisados os métodos de investigação e ensaios e as particularidades associadas ao estudo de diferentes obras, onde foram considerados com maior pormenor e a título de exemplo: uma escavação, um aterro, uma ponte, um túnel e a prospecção de materiais naturais de construção para as camadas de sublastro (sub-balastro) e lastro (balastro) ferroviário.
Description: Dissertação de Mestrado em Engenharia Geológica e de Minas apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: https://hdl.handle.net/10316/82116
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
170720 Dissertação Priscilla.pdf5.31 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

533
checked on Feb 27, 2024

Download(s) 50

389
checked on Feb 27, 2024

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons