Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/82064
Title: O Papel dos Fornecedores Internacionais no Desempenho das Empresas: O Caso da Paul Stricker, SA
Other Titles: The Role Of International Suppliers on Business Performance: The Case of Paul Stricker, SA
Authors: Borges, Catarina Sofia Bem-Haja 
Orientador: Carreira, Carlos Manuel Gonçalves
Keywords: Produtividade; Comércio Internacional; Importações; I&D; PTF; Productivity; International Trade; Imports; R&D; TFP
Issue Date: 10-Feb-2017
Serial title, monograph or event: O Papel dos Fornecedores Internacionais no Desempenho das Empresas: O Caso da Paul Stricker, SA
Place of publication or event: Paul Stricker, SA
Abstract: A produtividade das empresas é determinada por uma panóplia de fatores internos e externos, tais como a tecnologia, o capital humano, o país e a região, o setor industrial, a empregabilidade e o tipo de comércio (nacional, internacional ou ambos). Este último fator é considerado um dos mais relevantes uma vez que é visto como um difusor de conhecimento e permite a internacionalização das empresas. As empresas são recorrentemente afetadas pelo ambiente envolvente, instigando mudanças intensas na sua competitividade, estrutura e produtividade. Acontecimentos como a entrada da China na Organização Mundial do Comércio ou a introdução do Yuan chinês no cabaz de moedas do Fundo Monetário Internacional tiveram fortes repercussões nas trocas globais, provocando o seu incremento. Assim, as empresas sentiram necessidade de se internacionalizarem de modo a aproveitar esse mercado em crescimento, colmatando também assim as limitações de crescimento impostas pela dimensão do mercado nacional. Neste sentido, têm sido feitos vários estudos com o objetivo de evidenciar a relevância do comércio internacional e a forma como este influencia a produtividade e, de um modo geral, o desempenho das empresas. Apesar de habitualmente ser dada mais importância às exportações, as importações têm vindo a tornar-se uma prática cada vez mais comum e constituem uma mais valia para a empresa, uma vez que possibilitam a adoção e reprodução das tecnologias importadas. Assim, o presente relatório de estágio pretende investigar, através da revisão da literatura já existente sobre o tema, a analogia entre as importações e a produtividade das empresas. Foi executado no decorrer do estágio curricular na Paul Stricker, SA, uma empresa que se dedica à conceção, desenvolvimento e distribuição de produtos promocionais e que se encontra em constante processo de internacionalização. O estágio decorreu entre os meses de Setembro e Dezembro de 2016 e foi realizado no âmbito do Mestrado em Economia, com especialização em Economia Industrial, da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. Para além do objetivo principal do presente relatório, foi também elaborada uma análise comparativa entre a evolução da empresa e da economia nacional, onde se pode concluir que o desempenho da Paul Stricker é acima da média, provavelmente devido à sua forte internacionalização.
The productivity of firms is determined by several internal and external factors, such as technology, human capital, country and region, industry, employability, and type of trade (national, international or both). This last factor is considered one of the most relevant since it is seen as a knowledge diffuser and allows firms internationalization. The external environment increasingly affects firms, instigating intense changes in their competitiveness, structure and productivity. Events such as China's accession to the World Trade Organization or the introduction of the Chinese Yuan into de International Monetary Fund's basket of currencies have had a strong repercussion on global trade, causing an increase in them. Thus, companies are already aware of the necessity to internationalize not only to take advantage of this increase but also because domestic market is often not enough to respond to their growth needs. In this sense, several studies have been carried out to highlight the relevance of international trade and how it incluences firms productivity and performance in general. Although exports are more and more important, imports are becoming an increasingly common practice and add value to the company as they enable the adoption and replication of imported technologies. Thus, this internship report intends to investigate, through a review of the existing literature on the subject, the analogy between imports and firms productivity. It was executed during the curriculum internship at Paul Stricker, SA. This company dedicates itself to the design, development and distribution of promotional products and is in constant process of internationalization. The internship took place between September and December 2016 and was conducted under the Master in Economics with specialization in Industrial Economics of the Faculty of Economics of the University of Coimbra. In addiction to the main objective of this report, a comparative analysis of the evolution of the company and the national economy was also carried out. I concluded that Paul Stricker's performance is above the average, probably due to its strong internationalization.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Economia apresentado à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/82064
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
CB_thesis.pdf4.43 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

411
checked on Jan 15, 2020

Download(s) 50

679
checked on Jan 15, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons