Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/81652
Title: GlogauAIR:desafios de um legado
Other Titles: GlogauAIR: challenges of a legacy
Authors: Oliveira, Helena Carolina Rodrigues 
Orientador: Rodrigues, Maria Dalila Aguiar
Keywords: Residência artística; Gestão cultural; Berlim; Artist Residence; Cultural Management; Berlin
Issue Date: 26-Sep-2017
Serial title, monograph or event: GlogauAIR:desafios de um legado
Place of publication or event: GlogauAIR, Berlim, Alemanha
Abstract: A residência artística GlogauAIR, situada na dinâmica cidade de Berlim, foi fundada em 2006 pelo artista espanhol Chema Alvargonzález. A vontade que motivou a fundação desta organização sem fins lucrativos nasceu do próprio percurso de vida do artista.Fascinado desde sempre pelas potencialidades criadoras e comunicativas da arte, amante de um estilo de vida nómada com a qual foi acumulando novos conhecimentos e perspectivas e tendo sido testemunha em primeira mão da queda do muro de Berlim e dos primeiros passos de um mundo globalizado, Chema viu na criação de uma residência artística o lugar ideal para fomentar o diálogo artístico.Deste modo, albergando artistas provenientes dos mais diversos contextos sociais e culturais, a força intrinsecamente inovadora da arte seria potenciada pela abertura a múltiplos discursos, resultando num espaço privilegiado de interseção particularmente fecundo para o exercício livre do espírito crítico e criativo.No entanto, o projeto tem-se visto rodeado de contratempos, atrasando-o e enfraquecendo o seu desenvolvimento.Ao facto de se situar num edifício antigo do século XIX que constantemente requer reparações e com um corpo de recursos humanos constituído na prática por apenas três pessoas (Diretor Artístico, Coordenador de Projetos e Suporte Técnico) - apoiado por estagiários em constante rotação e com diferentes especialidades – junta-se a dificuldade constante das grandes asfixias financeiras e a enorme competição sentida no setor cultural da cidade. Esta situação instável resultou na dificuldade prolongada em implementar um plano estratégico organizado de expansão interna e externa, visto que o foco de atuação se centrava fundamentalmente na sobrevivência.No entanto, depois de um caminho longo de muitos esforços gerindo uma falta crónica de recursos, GlogauAIR parece estar a ganhar um novo folego. Aparentemente, a residência prepara-se estrategicamente para um crescimento faseado mas firme e mais aberto à comunidade, tornando-a não apenas num lugar hermético de criação artística, mas também de comunicação através da arte. O presente relatório reflecte a experiência de um estágio de seis meses na residência artística GlogauAIR. Aqui, procurei o mais possível cruzar conhecimento empírico obtido in loco e saber teórico fruto de pesquisa sobre os variados temas relacionados com os desafios encontrados no quotidiano. Sendo assim, este estudo pretende ser não apenas uma mera descrição, mas sim uma análise crítica da experiência tida no meio cultural berlinense e, em particular, de funções inerentes à gestão, programação e curadoria de uma residência artística. Em última análise, este relatório oferece a perspectiva geral de um caso verdadeiro, apresentando ideias não só de como estruturar um conceito no plano real mas também e principalmente de como mantê-lo estável e operativo a longo prazo, ao explorar brevemente caminhos de atuação no plano da gestão cultural, que poderão hipoteticamente servir de soluções.
The artistic residence GlogauAIR located in the dynamic city of Berlin, was founded in 2006 by the Spanish artist Chema Alvargonzález. The drive that was in the origin of this non-profit organization steamed from Chema’s way of life itself. Since ever deeply fascinated by the creative and communicative potentialities of art, enthusiastic about a nomad lifestyle, through which Chema himself collected meaningful and varied knowledge and perspectives. Having witnessed in first-hand the fall of the Berlin wall and the first steps towards a globalized world, the Spanish artist saw in the foundation of an artistic residence the ideal place to encourage the artistic dialogue.In this way, by hosting artists coming from the most varied social and cultural contexts, the innate innovative power of art would be potentiated an openness towards multiple discourses, thus creating a privileged intersection particularly fruitful where to freely exercise a creative and critical spirit.However, the project has been facing a number of setbacks, delaying and weakening its growth. Adding to the fact that GlogauAIR is located in an ancient building dating from the 19th century that is constantly requiring repairs, the staff is composed by only three people (Artistic director, Project Coordinator and Technical Support) helped by interns from different branches that are constantly rotating, the struggle financial hardships is a constant challenge, along with the unimaginable pressuring situation caused by the immense competition existent in the cultural sector of Berlin.However, after having gone through intense struggles, managing a chronical lack of resouces, GlogauAIR seems now to be gaining a new vitality. Apparently, the residence is strategically being prepared to go through a phase of a steady progressive growth, more open towards the community, which will hopefully turn a quite hermetic place of artistic production into one through which art communicates.This current report reflects the experience of a six-month period internship at GlogauAIR. Here, I try to intertwine practical knowledge gained in loco and the theoretical knowledge received by researching about the topics related to the many challenges faced by the residence on a daily-basis. Hence, this study is not only meant to be a mere description, but a critical analysis of the experience in the Berliner cultural scene, from the perspective of managing, programming and curating an artistic residence. Ultimately, the present report offers an overview of a real case-study, while putting forward some possible ideas on how to materialize and structure a concept, but mainly on how to maintain the project stable and operative on a long-term basis, by briefly exploring various action plans put into practice in the cultural management branch and which could hypothetically lead to find a solution.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Estudos Curatoriais apresentado ao Colégio das Artes
URI: http://hdl.handle.net/10316/81652
Rights: closedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
Relatório Helena Oliveira - Final.pdf917.72 kBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

360
checked on Jan 21, 2020

Download(s) 50

352
checked on Jan 21, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons