Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/79568
Title: Gastronomia e vinhos: um produto sempre novo com raízes nas tradições da cultura da população portuguesa
Authors: Santos, Norberto 
Issue Date: Dec-2017
Publisher: IUC
Serial title, monograph or event: ESPAÇOS E TEMPOS EM GEOGRAFIA HOMENAGEM A ANTÓNIO GAMAPublisher: IMPRENSA DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA
Volume: 1
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: A nossa relação com o trabalho modificou -se significativamente ao longo das últimas décadas. Max Kaplan (Leisure in America: a social inquiry, 1960), Georges Hourdin (Une civilisations des loisirs, 1961), Nels Anderson (Work and Leisure: A Perceptive Inquiry Into Current Ways of Using Time, 1961), Joffre Dumazedier (Vers une civilisation du loisir? , 1962), entre muitos outros, perceberam cedo, no início da segunda metade do século XX, tal como Paul Lafargue (Le Droit à la paresse, 1880) e Thorstein Veblen (The Theory of the Leisure Class, 1899) o fizeram, muito antes do tempo de valorização do lazer como compensação para o tempo de trabalho, com a sua evocação da preguiça e da classe ociosa, respectivamente, que as relações e valores sociais estavam em mutação, no sentido de uma civilização dos lazeres.
URI: http://hdl.handle.net/10316/79568
ISBN: 978-989-26-1343-7
DOI: 10.14195/978-989-26-1343-7_29
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CEGOT - Livros e Capítulos de Livros

Files in This Item:
File Description SizeFormat
CAP2017GASTRONOMIAEVINHOS (1).pdf886.92 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

177
checked on Nov 6, 2019

Download(s) 50

372
checked on Nov 6, 2019

Google ScholarTM

Check

Altmetric

Dimensions


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.