Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/44539
Title: Marketing relacional no setor bancário
Authors: Porto, João António Rocha 
Orientador: Costa, João Pedro Dias Fontes da
Antunes, Augusto Manuel Pais
Keywords: Marketing relacional; Actividade bancária
Issue Date: 14-Sep-2016
Publisher: FEUC
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O estágio curricular teve como objetivo o cumprimento do programa para conclusão do Mestrado em Gestão pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra. Este relatório de estágio é o resultado do trabalho desenvolvido durante quatro meses no Banco Millennium BCP na sucursal de Empresas, na cidade de Viseu, cuja denominação é Beiras Empresas. Teve início a 10 de fevereiro e terminou a 14 de Junho de 2016. O estágio enquadrou-se num âmbito comercial, visto que, a sucursal onde decorreu o estágio é um centro de propostas de crédito e de outros produtos financeiros, entre outros, contratos de confirming, fatoring, gestão de cheques, garantias bancárias. Cabe aos gestores de clientes angariar novos clientes, e manter uma boa relação com os já existentes. A base por detrás de toda esta base comercial é o Marketing, e visto que se enquadra no setor bancário, um dos temas que encaixa perfeitamente nas temáticas envolventes é o marketing bancário. O marketing relacional surge, neste contexto bancário, pela necessidade de retenção de clientes, e não só pela preocupação em captação de novos. Os últimos anos têm sido “dramáticos” para a banca portuguesa, em grande parte devido ao crédito mal parado que continua a aumentar e continua a minar o balanço dos bancos portugueses. Para além do crédito mal vencido mudanças constantes na sociedade e na economia, não apenas á escala nacional, mas também á escala internacional, têm obrigado os bancos a dar cada vez mais importância á relação, lealdade e fidelidade que tem com os clientes. O crédito é o principal negócio da banca, seja ele destinado a particulares, ou às empresas, e graças à grande competitividade que se tem vindo a assistir ao longo dos anos, e à variedade de produtos financeiros cada vez maior, é preciso que exista uma diferenciação em relação aos restantes bancos, que se pode traduzir num bom plano estratégico de marketing. Esta diferenciação é percecionada pelos clientes, pela relação que é estabelecida com estes.
Description: Relatório de estágio do mestrado em Gestão, apresentado à Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, sob a orientação de João Fontes da Costa e Augusto Manuel Pais Antunes.
URI: http://hdl.handle.net/10316/44539
Rights: openAccess
Appears in Collections:FEUC- Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
joão porto ultima versão.pdf1.19 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

530
checked on Sep 17, 2019

Download(s) 50

298
checked on Sep 17, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.