Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/36813
Title: Utilização de SPECTe PET na delação de placas ateroscleróticas instáveis
Authors: Albergaria, José Miguel de Sousa Costa Soares de 
Orientador: Ferreira, Maria João Soares Vidigal Teixeira
Santos, Manuel de Oliveira
Keywords: Aterosclerose; Doença Cardiovascular; Imagiologia Molecular; PET; SPECT; Radiofármaco; Resposta inflamatória; Estatinas
Issue Date: Mar-2016
Abstract: A doença cardiovascular (DCV) é, atualmente, a principal causa de mortalidade nos países desenvolvidos. Na sua base está a aterosclerose com formação de placas no lúmen arterial das artérias de grande e médio calibre. A rutura ou erosão dessas placas pode resultar em eventos agudos e os mecanismos fisiopatológicos subjacentes devem ser reconhecidos para uma prevenção, diagnóstico e terapêutica mais eficiente. O conhecimento da fisiopatologia adquirido com as técnicas imagiológicas convencionais é, contudo, limitado. Nesse sentido, a imagiologia molecular, que inclui técnicas como a tomografia de emissão de positrões (PET) e tomografia computorizada por emissão de fotão único (SPECT), veio permitir a caracterização in vivo de processos biológicos a nível celular e molecular e apresentou-se como recurso importante nesta área. A associação destas técnicas à tomografia computorizada (TC) – imagem híbrida - permitiu aumentar as suas capacidades diagnósticas, com aquisição simultânea de dados funcionais e anatómicos. Nos últimos anos, avanços nesta área têm disponibilizado novos radiofármacos como o fluorodesoxiglucose F18 (18F-FDG) e o fluoreto de sódio F18 (18F-NaF) e, mais recentemente, o 11C-PK11195, 68Ga-DOTATATE entre outros. O aumento da disponibilidade e qualidade dos radiofármacos tem conduzido a uma marcação mais específica dos alvos moleculares e, consequentemente, a uma melhoria na deteção das características associadas a instabilidade da placa aterosclerótica como a atividade inflamatória, neovascularização, apoptose, hemorragia e microcalcificação. A eficácia da terapêutica dirigida à aterosclerose e a capacidade de fazer monitorização da mesma com recurso a estas técnicas está também em investigação com resultados muito promissores, principalmente no que se refere ao uso de estatinas. No entanto, apesar do grande potencial inerente a estas técnicas imagiológicas, mais estudos são ainda necessários para consolidar a sua aplicação clínica em larga escala. Currently, cardiovascular disease is the major cause of mortality in developed countries. Atherosclerosis leads to plaque formation at the lumen of medium and large arteries. Plaque rupture or erosion can lead to acute events so pathophysiological mechanism underlying such events must be recognized in order to allow more efficient prevention, diagnosis and therapeutics. However, knowledge achieved with conventional imagiology techniques is restricted. Molecular imaging, which includes techniques such as Positron Emission Tomography (PET) and Single-photon Emission Computed Tomography (SPECT), allows in vivo cellular and molecular biological processes characterization and represents an important resource in the field. Association between these techniques and Computed Tomography (TC) - hybrid imaging - increases diagnostic capabilities, as a result of a simultaneous functional and anatomical data acquisition. During the past few years, progress in the field has provided new radiotracers such as [18]-fluorodesoxiglucose (18F-FDG) and sodium fluoride (18F-NaF) and, more recently, 11C-PK11195, 68Ga-DOTATATE among others. Increased radiotracer availability and quality has led to more specific molecular target tracing and consequently increased instability-associated characteristics detection such as inflammatory activity, neovascularization, apoptosis, hemorrhage and microcalcification. Atherosclerotic therapeutics efficiency and monitoring capabilities have also been investigated and are showing promising results, especially with statins. However despite its huge potential more studies are required to consolidate clinical applications of nuclear imaging.
Description: Trabalho final do 6º ano médico com vista à atribuição do grau de mestre (área científica de cardiologia) no âmbito do ciclo de estudos de Mestrado Integrado em Medicina.
URI: https://hdl.handle.net/10316/36813
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
tese.pdftese1.04 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 5

1,912
checked on Feb 20, 2024

Download(s)

467
checked on Feb 20, 2024

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.