Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/36548
Title: Fatores prognósticos na pneumonia adquirida na comunidade na população geriatrica
Authors: Silva, Sara Cristina Passos 
Orientador: Veríssimo, Manuel Teixeira Marques
Nogueira, Ana Rita Garcia
Keywords: Idoso; Pneumonia viral; Geriatria
Issue Date: Jan-2016
Abstract: A Pneumonia Adquirida na Comunidade é uma doença cada vez mais comum em Portugal devido ao envelhecimento da população e condiciona 7% dos internamentos em idosos com uma mortalidade de cerca de 25%, das maiores da Europa. Com o objetivo de diminuir os internamentos desnecessários (diminuindo os custos) e a morbi-mortalidade da PAC é necessário ter ferramentas de apoio que permitam, seguramente, tomar a decisão de tratar doentes de baixo risco em ambulatório e doentes de alto risco com intervenções precoces e dirigidas. Este artigo revê as principais escalas de prognóstico utilizadas na predição da necessidade de internamento, medidas extraordinárias e mortalidade da PAC e a sua aplicabilidade nos doentes, principalmente nos com idade igual ou superior a 65 anos. As escalas mais usadas, nomeadamente o PSI e o CURB-65, têm valor limitado na população geriátrica, havendo, portanto, necessidade de alterar limites de valores nos critérios ou utilizar escalas diferentes, por exemplo o SOAR ou a avaliação geriátrica global. Estas escalas são ferramentas úteis mas nenhuma pode substituir o raciocínio clínico. Idealmente a melhor estratégia vai sempre depender da experiência/ competência do médico e na aplicação do seu conhecimento num doente específico, com todas as suas particularidades, usando as escalas como suporte adicional.
Community-acquired Pneumonia is an important health problem with growing incidence in Portugal derived from the aging of the population. In the elderly it accounts for 7% of the hospitalizations with a 25% in hospital mortality, one of the highest in Europe. The prognostic scoring systems have developed with the aim of reducing the use of expensive hospital care for patients at low risk of mortality and recognizing severe ill patients as soon as possible so that intensive care can be provided in a timely fashion. This article is a review of the existing prognostic scoring systems and its applicability in different groups of patients especially in geriatric patients. The most widely used scores, PSI and CURB-65 have limited value in elderly patients. There is a need for changing the cut-offs of the criteria or for finding other scores more suitable for this group for example SOAR or geriatric global assessment. These scores are useful tools in the decision making but they cannot replace medical evaluation. Ideally the best approach is to rely on experienced doctors and their ability to apply their knowledge to the specific patient and using the scores as supplementary information
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina área cientifica de Geriatria, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: https://hdl.handle.net/10316/36548
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
tese geriatria sara final.pdf642.14 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 5

1,319
checked on Jun 12, 2024

Download(s) 10

2,764
checked on Jun 12, 2024

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.