Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/32642
Title: A tomada de decisão conjugal como fator de risco psicossocial em díades conjugais
Authors: Mira, Filipa Gomes 
Orientador: Paixão, Rui
Keywords: Tomada de decisão; IGT-Iowa Gambling Task; Risco psicossocial; Casais
Issue Date: 2016
Serial title, monograph or event: A tomada de decisão conjugal como fator de risco psicossocial em díades conjugais
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O IGT é um instrumento desenvolvido para avaliar a tomada de decisão, baseado na Hipótese do Marcador Somático. Este instrumento simula situações da vida real - no que diz respeito às consequências da tomada de decisão - primeiro em condições de incerteza e depois em condições de risco. Apesar de muito estudado com populações clínicas, a investigação também se tem preocupado com o indivíduo enquanto decisor. Contudo, ainda existem poucas evidências científicas quanto ao processo de tomada de decisão entre sujeitos com relações próximas. Desta forma, o objetivo desta investigação prende-se com o estudo das relações entre padrões de tomada de decisão dos elementos de díades conjugais e indicadores de risco e vulnerabilidade sociodemográfico e clínico. Assim, a amostra do presente estudo é constituída por 30 casais marcados pela fragilidade extrema de recursos socioeconómicos (risco psicossocial derivado da pobreza e de todas as variáveis associadas a esta situação). O processo de tomada de decisão foi avaliado através do IGT, que foi administrado em dois momentos consecutivos, através de dois jogos do IGT (cada jogo com 100 ensaios ou jogadas). Os resultados do presente estudo demonstraram que estas díades conjugais apresentam padrões de decisão semelhantes, sendo esses padrões predominantemente desvantajosos (em ambos os elementos do casal). Evidenciou-se, também, que há uma relação negativa entre os padrões decisionais destes casais, no segundo jogo do IGT, e as variáveis psicopatológicas (sintomas psicopatológicos), reforçando os achados com as populações com características sintomáticas. Por fim, verificou-se, ainda, que os desempenhos obtidos pela amostra em estudo com risco psicossocial são inferiores, quando comparados com a amostra normativa de estudos com populações saudáveis.
The IGT is a developed instrument to evaluate the decision making, based on Somatic Marker Hypothesis. This instrument simulates real life situations – regarding the consequences of the decision making – firstly in conditions of uncertainty, then in conditions of risk. Despite a number of studies with the IGT with clinical populations, the investigation has also been concerned about the individual decisor. However, scientific evidence on the decision making process between elements with close relationships is still limited. In this way, the objective of this research concerns the study of the relationship between the decision making patterns of the dyad elements and sociodemographic and clinical factors of risk and vulnerability. Thus, the sample of the present study is composed by 30 couples marked by extreme fragility of socioeconomic resources (psychosocial risk derived from poverty and all the variables associated with this situation). The decision making process was measured by the IGT, which was administered on two consecutive moments, through two IGT tasks (each task with 100 trials). The results of the present study had demonstrated that this dyad spouses present similar decision patterns, which are predominantly disadvantageous (in both couple's elements). It was also found a negative relationship between the decision patterns of these couples, at the second game of IGT, and the psychopathological variables (psychopathological symptoms), strengthening the findings with the populations with symptomatic characteristics. Lastly, it was still verified that the performance obtained by the sample in this study are lower comparatively with the sample of studies with healthy populations.
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde (Psicopatologia e Psicoterapias Dinâmicas), apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/32642
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE MIP - Filipa Gomes Mira - 2016.pdf894.35 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

554
checked on Jan 22, 2020

Download(s)

134
checked on Jan 22, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.