Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/31559
Title: Perfecionismo, auto-criticismo e auto-compaixão na ansiedade aos testes em estudantes do ensino superior
Authors: Ramos, Vanessa Filipa Simões 
Orientador: Salvador, Maria do Céu
Keywords: Ansiedade; Perfeccionismo; Auto-criticismo; Auto-compaixão
Issue Date: 2015
Serial title, monograph or event: Perfecionismo, auto-criticismo e auto-compaixão na ansiedade aos testes em estudantes do ensino superior.
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Embora seja sugerido que o perfecionismo possui uma influência significativa na ansiedade aos testes, alguns autores defendem que é o auto-criticismo, e não o perfecionismo por si só, que revela ser o aspeto disfuncional, distinguindo entre perfecionismo adaptativo e maladaptativo. Para além disto, foram também encontradas correlações positivas entre auto-criticismo e ansiedade aos testes e correlações negativas entre esta e auto-tranquilização. Este estudo teve como objetivo último explorar a existência de uma mediação do auto-criticismo e da auto-compaixão na relação do perfecionismo com ansiedade aos testes (e perceção da sua interferência). A amostra ficou composta por 308 estudantes do ensino superior - 178 do sexo feminino (57.8%) e 130 do sexo masculino (42.2%) – com idades entre os 18 e os 30 anos (M = 20.86; DP = 2.45). Foram encontradas correlações positivas e significativas da ansiedade aos testes e sua perceção de interferência com perfecionismo e auto-criticismo e correlações significativas e negativas entre ansiedade aos testes e perceção de interferência com auto-compaixão. As regressões revelaram o perfecionismo maladaptativo, eu inadequado, atitude não crítica e de não isolamento como preditores da ansiedade aos testes, o mesmo acontecendo na predição da perceção de interferência, exceto para a atitude de não isolamento. Foram encontradas mediações parciais do auto-criticismo e da auto-compaixão na relação entre perfecionismo maladaptativo e ansiedade aos testes/percepção de interferência. Este estudo é o primeiro a relacionar ansiedade aos testes, perfecionismo, auto-criticismo e auto-compaixão. No geral, os nossos resultados apontam para a importância do perfecionismo, auto-criticismo e auto-compaixão na compreensão e intervenção na ansiedade aos testes.
Although it has been suggested that perfectionism has a significant influence on test anxiety, some authors argue that self-criticism, and not perfectionism by itself, is the dysfunctional aspect, distinguishing between adaptive and maladaptive perfectionism. Furthermore, positive correlations have been found between self-criticism and test anxiety and negative correlations have been found between the test anxiety and self-reassurance. This study main purpose was to explore the mediator role of self-criticism and self-compassion in the relationship between perfectionism and test anxiety (and perceived interference). The sample was composed by 308 college students -178 females (57.8%) and 130 males (42.2%) – aged between 18 and 30 years old (M = 20.86; DP = 2.45). We found positive and significant correlations between test anxiety (and perceived interference), perfectionism and self-criticism. We also found negative and significant correlations between test anxiety (and perceived interference) and self-compassion. Regression analysis revealed maladaptive perfectionism, inadequate self, non-critical attitude and non-isolation attitude as test anxiety predictors. The same happened in perceived interference prediction, except for the non-isolation attitude. Partial mediations by self-criticism and self-compassion have been found in the relationship between maladaptive perfectionism and test anxiety/perceived interference. This study was the first research to relate test anxiety, perfectionism, self-criticism and self-compassion. In general, our results indicate the importance of perfectionism, self-criticism and self-compassion to understand and intervene in test anxiety
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde (Intervenções Cognitivo-Comportamentais nas Perturbações Psicológicas e Saúde), apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/31559
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação Vanessa Filipa S. Ramos.pdf400.52 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

710
checked on Dec 11, 2019

Download(s) 50

199
checked on Dec 11, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.