Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/31553
Title: A síncope no idoso
Authors: Silva, Teresa Rei 
Orientador: Veríssimo, Manuel Teixeira Marques
Keywords: Idoso; Síncope; Etiologia; Diagnóstico; Terapia; Prognóstico
Issue Date: Jan-2014
Abstract: A síncope é uma das principais causas de morbilidade e mortalidade no idoso, com enorme impacto socioeconómico subjacente. É responsável por 3% das admissões no serviço de urgência e constitui 1% das causas de internamentos. A prevalência de síncope na população idosa institucionalizada é de 23%, com incidência anual de 7% e uma taxa de recorrência a dois anos de 30%. A anamnese consiste numa ferramenta essencial para o diagnóstico de síncope, estando, por vezes, dificultada em doentes com idade avançada. O diagnóstico pode ser complexo devido a apresentações atípicas, amnésia retrógrada do episódio e ocorrência concomitante de queda. Para a identificação correcta da sua etiologia na população idosa, a abordagem deve iniciar-se com o conhecimento das modificações fisiológicas inerentes ao envelhecimento, que tornam esta população mais susceptível à síncope. Para a avaliação inicial, é essencial a medição da pressão arterial em decúbito e posição ortostática e ECG de 12 derivações. Um diagnóstico definitivo após avaliação inicial é obtido numa menor percentagem de doentes na população idosa. Exames complementares de diagnóstico como o teste de inclinação (tilt test), que são bem tolerados nos doentes idosos, assim como avanços tecnológicos através de dispositivos de monitorização cardíaca permiram um aumento das taxas de diagnósticos de síncope. O tratamento da síncope no idoso é um desafio devido aos numerosos problemas de saúde consequentes ao envelhecimento. Tem como objectivo reduzir a mortalidade e o número de recorrências. Quando possível, o tratamento deve ser dirigido à correcção da causa subjacente, podendo variar desde simples medidas conservadoras até pacing cardíaco permanente. Neste artigo pretende-se descrever os principais mecanismos etiológicos e os aspectos fisiopatológicos e clínicos subjacentes à síncope na população idosa; avaliar a existência de uma maior predisposição à síncope nesta população decorrente de alterações próprias do envelhecimento e, por fim, mencionar as medidas terapêuticas adequadas.
Syncope is one of the major causes of morbidity and mortality in the elderly, with great socioeconomic impact. It is responsible for 3% of all Emergency Department visits and represents 1% of the causes for hospital admissions. The prevalence of syncope in the elderly institutionalized is 23%, with an annual incidence of 7% and a 2 years recurrence-rate of 30%. The clinical history is a vital tool for the diagnosis, but it may be troublesome to obtain as age progresses. The diagnosis can become complex due to atypical presentation, retrograde amnesia of the episode and when associated with fall. For the correct identification of its aetiology, in the elderly population, the approach should begin with awareness of the physiological changes that come with ageing, making this population more susceptible to syncope. Complementary tests like the tilt-test, which are well tolerated in the elderly, as well as technological breakthroughs like cardiac monitoring devices have increased the diagnostic rates of cardiac syncope. The treatment of syncope in the elderly is challenging, in order of the numerous health problems associated with aging. The purpose is reducing mortality and recurrence. When possible, the underlining condition should be treated and it may range from simple conservative measures to permanent cardiac passing. The aim of this article is the description of the main etiological mechanisms and the pathophysiological and clinical aspects of the syncope in the elderly population; evaluate the existence of a greater predisposition to syncope in this population, and finally mention adequate therapeutic measures.
URI: http://hdl.handle.net/10316/31553
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado
UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Trabalho Final 6º Ano Teresa Silva.pdf615.85 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

772
checked on Dec 22, 2021

Download(s) 50

533
checked on Dec 22, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.