Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/30734
Title: As fusões hospitalares de 2011 e o seu impacto na eficiência
Authors: Cruz, Sérgio Almeida 
Orientador: Sebastião, Hélder
Alexandre, Maurício
Editors: teste
Keywords: Saúde; Fusões; Hospitais; Eficiência; Contratualização; DEA; Benchemarking
Issue Date: 10-Feb-2016
Publisher: FEUC
Citation: Cruz, Sérgio Almeida - As fusões hospitalares de 2011 e o seu impacto na eficiência, Coimbra, 2016
Abstract: A saúde é indubitavelmente um dos setores económicos que mais contribuem para a produtividade e bem-estar das populações, e, consequentemente, para o desenvolvimento económico dum país. Efetivamente, nos países desenvolvidos, nos quais se inclui Portugal, este setor absorve uma parte significativa de recursos, e os decisores reconhecem a importância das políticas de saúde que visem tornar este setor mais eficiente, acessível, sustentável e equitativo, garantindo simultaneamente uma melhor qualidade. Neste relatório de estágio realizado na Administração Regional de Saúde do Centro, encontra-se um enquadramento contextual e conceptual, onde são apresentados os conceitos essenciais para a realização do estágio e do estudo aplicado, seguindo-se a análise do estágio propriamente dito, onde consta uma descrição da entidade de acolhimento e das tarefas realizadas, e, uma breve recensão crítica do estágio. O estudo aplicado constante deste relatório diz respeito a uma das políticas de saúde mais relevantes dos últimos anos no nosso país: as fusões hospitalares ocorridas em 2011. Utilizando dados entre setembro de 2008 e maio de 2015, a análise recaiu sobre a significância das diferenças nos rácios e scores de eficiência DEA quer temporalmente quer entre hospitais. Estes scores foram depois utilizados em regressões em painel onde essencialmente se pretende medir parametricamente o efeito das fusões na eficiência. A principal conclusão é que parece ter existido um impacto negativo, o que evidencia eventuais dificuldades sentidas pelos hospitais fundidos, que doravante têm que lidar com a sua reorganização, no curto e médio prazo, devido ao aumento da dimensão e complexidade dos respetivos parques hospitalares. Portanto é argumentável que os hospitais tenham passado uma fase algo prolongada de aprendizagem e adaptação à nova realidade organizacional e infraestrutural resultante dessas fusões.
Description: Relatório de estágio do mestrado em Economia (Economia Financeira), apresentado à Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, sob a orientação de Hélder Sebastião e Maurício Alexandre.
URI: http://hdl.handle.net/10316/30734
Rights: openAccess
Appears in Collections:FEUC- Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
RE_SergioCruz.pdf2.35 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

513
checked on Aug 3, 2020

Download(s)

156
checked on Aug 3, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.