Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/26758
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, José Tomás da-
dc.contributor.authorPedroso, Tânia-
dc.date.accessioned2014-09-12T09:27:00Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10316/26758-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento, apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbrapor
dc.description.abstractEsta investigação teve como objectivo analisar a influência da Personalidade e da Vinculação nos comportamentos abusivos nas relações de namoro. O estudo incluiu uma amostra de 314 jovens de ambos os sexos, a sua maioria estudantes do ensino superior. Os resultados apontam, ao nível da Personalidade, a Conscienciosidade o traço com maior influência na Perpetração de violência, existindo uma relação negativa entre ambos construtos. Quanto à Vinculação, verificou-se que padrões vinculativos mais seguros estavam associados a valores inferiores de Perpetração e de Vitimização nas relações. Os resultados revelam ainda que assistir a violência na infância aumenta a probabilidade de Perpetração ou Vitimização nas relações em fase adulta. Verificámos ainda que a Personalidade e a Vinculação representam um modelo explicativo heurístico para a Perpetração de violência no namoro.por
dc.description.abstractThis investigation aimed to analyze the influence of Personality and Attachment in abusive behaviors in dating relationships. In the present study we used a sample of 314 young subjects from both genders, most of them college students. Results showed that, concerning Personality, Conscientiousness was the trait more importantly correlated (negatively) with Perpetration. In relation to Attachment, we found that more secure attachment patterns were associated to lower values of Perpetration and Victimization in relationships. The results also point out that watching violence in childhood increases the probability of Perpetration or Victimization in relationships among adults. Finally, our analyses also established that Personality and Attachment constructs were useful predictors on an explanatory model of Perpetration.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectViolência no namoropor
dc.subjectVinculação (psicologia)por
dc.subjectPersonalidadepor
dc.titleA personalidade e a vinculação enquanto factores influentes na violência no namoro: estudo com jovens adultospor
dc.typemasterThesispor
degois.publication.locationCoimbrapor
degois.publication.titleA personalidade e a vinculação enquanto factores influentes na violência no namoro: estudo com jovens adultospor
dc.peerreviewedYespor
dc.identifier.tid201442477-
uc.controloAutoridadeSim-
item.cerifentitytypePublications-
item.languageiso639-1pt-
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
item.openairecristypehttp://purl.org/coar/resource_type/c_18cf-
item.openairetypemasterThesis-
crisitem.advisor.researchunitCES – Centre for Social Studies-
crisitem.advisor.parentresearchunitUniversity of Coimbra-
crisitem.advisor.orcid0000-0002-9995-8221-
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
FPCEUC - Teses de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE - Tânia Pedroso.pdf965.89 kBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s) 20

687
checked on May 21, 2024

Download(s)

302
checked on May 21, 2024

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.