Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/26757
Title: As crenças sobre a doença e adesão ao tratamento em doentes angolanos com malária
Authors: Longuenda, Daniel Maria 
Orientador: Sotero, Luciana
Keywords: Adesão ao tratamento; Malária; Crenças
Issue Date: 2014
Serial title, monograph or event: As crenças sobre a doença e adesão ao tratamento em doentes angolanos com malária
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O presente trabalho tem como objetivo principal analisar as crenças sobre a doença e a adesão ao tratamento em doentes Angolanos com Malária, residentes no Lubango. Adicionalmente, pretende-se também analisar a consistência interna dos instrumentos Crenças sobre a doença (IPQ) -Versão Breve e Medida de Adesão ao Tratamento (MAT) e averiguar se a adesão ao tratamento e as Crenças sobre a doença variam de acordo com as seguintes variáveis sociodemográficas: sexo, estado civil, nível socioeconómico e nível de escolaridade. Esta investigação envolveu uma amostra clínica constituída por 50 sujeitos diagnosticados com Malária. As variáveis sexo, estado civil, nível socioeconómico e nível de escolaridade não parecem influenciar significativamente a adesão ao tratamento da malária nem as crenças sobre a doença. Por se tratar de um estudo exploratório, espera-se que sejam feitas novas e futuras investigações com a MAT em vários pontos do território Angolano, com a Malária e outras patologias.
This paper aims to analyze the beliefs about the disease and treatment adherence in patients with Malaria Angolans residing in Lubango. Additionally, it also intends to analyze the internal consistency of the instruments Beliefs about disease (IPQ) and Quick- Release Measure Adherence to Treatment (MAT) and ascertain whether treatment adherence and beliefs about the disease vary according to the following sociodemographic variables: gender, marital status, socioeconomic status and education level. This research involved a clinical sample included 50 subjects diagnosed with Malaria. The variables sex, marital status, socioeconomic status and education level do not seem to significantly influence adherence to malaria treatment or beliefs about the disease. Because this was an exploratory study, it is expected that new and future investigations with the MAT are made at various points in Angolan territory, with malaria and other diseases.
Description: Dissertação de mestrado integrado em (Psicologia Clínica e da Saúde - Sistémica, Saúde, e Família) apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/26757
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE - Daniel Longuenda.pdf432.77 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

709
checked on Sep 21, 2021

Download(s)

209
checked on Sep 21, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.