Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/20652
Title: A mulher e a extração clandestina de inertes em Cabo Verde
Authors: Lopes, Ermelinda 
Cunha, Lúcio 
Keywords: Cabo Verde; Ilha de Santiago; Extração de inertes; Mulher; Impactes ambientais; Areia e cascalho
Issue Date: 2012
Publisher: Mercator
Keywords: Cabo Verde; Ilha de Santiago; Extração de inertes; Mulher; Impactes ambientais; Areia e cascalho
Issue Date: 2012
Publisher: Mercator
Series/Report no.: 11
25
Abstract: O presente trabalho pretende, de um modo geral, avaliar a importância social das mulheres no processo extrativo clandestino e explicar como é que as mulheres podem participar e contribuir para uma extração sustentável e consequente redução do processo extrativo clandestino, com base na observação direta e participativa no terreno. Este, para além de permitir a realização dos inquéritos e das conversas informais às populações que extraem clandestinamente os inertes, permite também o registo dos impactes ambientais em fotografias e a avaliação nas matrizes de interação de Leopold (CUNHA et al., 1999) em função do local da exploração, no caso, nas ribeiras de Flamengos e de Principal, no concelho de S. Miguel e na Cuba, no concelho de Tarrafal.
URI: http://hdl.handle.net/10316/20652
DOI: 10.4215/RM2012.1125.0006
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Geografia - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
873-3644-2-PB(1).pdf3.66 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

196
checked on Aug 21, 2019

Download(s)

127
checked on Aug 21, 2019

Google ScholarTM

Check

Altmetric

Altmetric


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.