Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/16160
Title: A importância da recuperação em esforços de características lácticas : estudo comparativo de diferentes métodos de recuperação em especialistas de 400 metros planos de ambos os géneros
Authors: Cortesão, Mónica Isabel Pessoa 
Orientador: Santos, Amândio
Keywords: Atletismo; Ácido láctico; Vias energéticas
Issue Date: 2005
Keywords: Atletismo; Ácido láctico; Vias energéticas
Issue Date: 2005
Abstract: A recuperação é um processo de particular importância em eventos onde um atleta tem que competir em mais do que uma ocasião, durante uma competição no mesmo dia. Desta forma, apresenta também um papel fundamental na performance posterior. O principal objectivo deste estudo, foi comparar o efeito de três tipos de recuperação: Recuperação Passiva, Recuperação Activa e Recuperação Activa mais Massagem (Recuperação Combinada) na remoção do lactato sanguíneo após uma prova de 300 metros, em atletas especialistas na corrida de 400 metros planos. Treze atletas treinados e especialistas na corrida de 400 metros planos (8 do género masculino e 5 do género feminino), submeteram-se à realização de três tipos de testes diferentes, sendo cada uma composta por uma simulação de duas competições de 300 metros com 90 minutos de recuperação entre cada uma. O espaço que mediou, entre a primeira e a última sessão de testes, teve uma duração máxima de quatro semanas. Assim, os sujeitos realizaram recuperação passiva, recuperação activa e recuperação combinada, no primeiro, segundo e terceiro dias de testes respectivamente. Na realização das três sessões de testes foi recolhida uma amostra de sangue a cada atleta, após o primeiro aquecimento, aos três, vinte, quarenta e sessenta minutos após a primeira prova, após o segundo aquecimento e três minutos após a segunda prova, para determinar a concentração de lactato sanguíneo. A análise estatística foi realizada através do teste T de Student e Coeficiente de Correlacção Produto-Momento de Pearson, considerando um nível de significância de 0,05 para ambos os testes. Verificou-se que a Recuperação Activa e Combinada removem significativamente mais ácido láctico sanguíneo do que a Recuperação Passiva até aos 20 minutos e até aos 40 minutos após o esforço. Não se verificaram diferenças estatisticamente significativas entre sujeitos masculinos e femininos quer na produção quer na remoção do lactato sanguíneo. Não se verificaram diferenças estatisticamente significativas entre os sujeitos de ambos os géneros, para os vários métodos de recuperação. Não se constataram melhorias estatisticamente significativas na performance em nenhum dos tipos de recuperação. A massagem não trouxe quaisquer benefícios em termos de remoção do lactato sanguíneo comparativamente com a Recuperação Activa. Concluímos então que neste estudo a Recuperação Activa foi o método mais eficaz em termos de remoção do ácido láctico sanguíneo. Palavras-chave: ATLETISMO, 400 METROS PLANOS, RECUPERAÇÃO, ÁCIDO-LÁCTICO
Description: Dissertação de licenciatura apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física.
URI: http://hdl.handle.net/10316/16160
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Vários

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Recuperação em esforços de características lácticas.pdf846.3 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

244
checked on Aug 14, 2019

Download(s) 1

10,411
checked on Aug 14, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.