Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/113287
Title: Aprender o sexo antes de o fazer. Os jovens e o confessionário pornográfico.
Other Titles: Learning sex before doing it. Young people and the pornographic confessional.
Authors: Santos, Hugo João Mota
Orientador: Correia, Sílvia Margarida Violante Portugal
Keywords: Pornografia; Sexualidade; Confissão; Subjetividade; Pornography; Sexuality; Confession; Subjectivity
Issue Date: 21-Jul-2022
Serial title, monograph or event: Aprender o sexo antes de o fazer. Os jovens e o confessionário pornográfico.
Place of publication or event: Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra
Abstract: A acessibilidade da pornografia, potenciada pela difusão das tecnologias digitais, tornou-a numa experiência normativa entre os jovens. Deste modo, urge compreender como se relacionam com ela.Se, nas últimas décadas, a literatura académica tem versado sobre as consequências benéficas ou lesivas do consumo de pornografia, a presente pesquisa, ancorada no pensamento foucaultiano, avalia o modo como a pornografia opera na construção do dispositivo contemporâneo de sexualidade e, especificamente, na sua ação entre os jovens do sexo masculino.A dissertação discute a relação tripla entre poder e saber, poder e sexo, e verdade e sexo, para evidenciar a importância da confissão na regulação das sociedades ocidentais. Esta discussão permite defender a ideia da pornografia enquanto entidade confessional. São debatidos os seus mecanismos de controlo e domesticação da população e demonstra-se a relevância da subjetividade nas dinâmicas confessionais contemporâneas.A análise desenvolvida pretende ser um contributo para o debate não tanto da pornografia per se, mas do dispositivo do qual ela faz parte; pretende olhar para o consumo de pornografia não somente como resposta à procura de conteúdo obsceno ou libidinoso, mas como efeito de um dispositivo sexual insuficiente para esclarecer todas as dúvidas dos jovens; pretende alertar para o facto de que, enquanto visualizadores, os potenciais perigos não residirão necessariamente na pornografia, mas na insuficiência de meios que a complementam, contrastam e fomentam o espírito crítico em relação ao seu uso. Entrevistaram-se 25 jovens universitários do sexo masculino sobre o seu consumo de pornografia e a construção da sua sexualidade, com o intuito de elaborar uma dissertação não apenas sobre a pornografia, mas também como uma porta de entrada para a discussão acerca das carências no âmbito da educação sexual.
The accessibility of pornography, enhanced by the diffusion of digital technologies, has made its consumption a normative experience among young people. Thus, it is urgent to understand how they relate to it.In recent decades the academic literature has addressed the beneficial or harmful consequences of pornography consumption. This dissertation, based on Foucault’s thought, evaluates the way pornography operates in the construction of the contemporary device of sexuality and, specifically, in its action among young men.The dissertation discusses the triple relationship between power and knowledge, power and sex, and truth and sex, to highlight the importance of confession in the regulation of Western societies. This discussion allows the defence of the idea of pornography as a confessional entity. Its mechanisms of control and domestication of the population are discussed and the relevance of subjectivity in contemporary confessional dynamics is demonstrated.The analysis developed is intended to be a contribution to the debate not so much on pornography per se, but on the device of which it is a part; intends to look at the consumption of pornography not only as a response to the demand for obscene or libidinous content, but as an effect of an insufficient sexual device to clarify all the doubts of young people; intends to alert to the fact that, as viewers, the potential dangers are not necessarily allocated in pornography, but in the insufficiency of mechanisms that complement, contrast and encourage a critical spirit in relation to its use. Twenty-five male university students were interviewed about their consumption of pornography and the construction of their sexuality, with the aim of preparing a dissertation not only about pornography, but also as a gateway to the discussion about the shortcomings in the field of sex education.
Description: Dissertação de Mestrado em Sociologia apresentada à Faculdade de Economia
URI: https://hdl.handle.net/10316/113287
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat
Aprender o sexo antes de o fazer.pdf1.36 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

86
checked on Feb 28, 2024

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons