Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/103105
Title: DETERMINAÇÃO DE SUBSTÂNCIAS APARENTADAS EM FORMULAÇÕES TÓPICAS SEMISSÓLIDAS COM CORTICOSTERÓIDE
Other Titles: RELATED SUBSTANCES DETERMINATION IN TOPICAL SEMISOLID FORMULATIONS WITH CORTICOSTEROID
Authors: Costa, Isabel Margarida Mendes
Orientador: Carvalho, Maria da Graça Videira de Sousa
Sales, Maria Goreti Ferreira
Keywords: Substâncias Aparentadas; HPLC; Corticosteroide; Creme; Pomada; Related substances; HPLC; Corticosteroid; Cream; Ointment
Issue Date: 28-Jul-2022
Serial title, monograph or event: DETERMINAÇÃO DE SUBSTÂNCIAS APARENTADAS EM FORMULAÇÕES TÓPICAS SEMISSÓLIDAS COM CORTICOSTERÓIDE
Place of publication or event: Laboratório Medinfar SA - Amadora
Abstract: As substâncias aparentadas, ou produtos de degradação, são impurezas resultantes de uma alteração química da substância ativa (API), provocada pelo fabrico e/ou durante o armazenamento, por ação de, por exemplo, luz, temperatura, pH ou água ou por reação do API com algum excipiente. Pelo potencial impacto que as impurezas podem ter na segurança e na eficácia do medicamento, estas têm de ser quantificadas, fazendo com que esta determinação seja um parâmetro de controlo de qualidade dos medicamentos. Neste trabalho foi desenvolvida uma metodologia analítica, usando a técnica de HPLC-DAD para a determinação de substâncias aparentadas em três formulações tópicas semissólidas (uma pomada e dois cremes), previamente estabelecidas, contendo a mesma substância ativa, um corticosteroide e vários excipientes. Os corticosteroides são frequentemente usados em formulações tópicas com o objetivo de diminuir os níveis de inflamação e reduzir a atividade do sistema imunitário.O método analítico desenvolvido para determinação das substâncias aparentadas permite detetar os picos de impurezas e quantificá-los, sem que haja interferências de qualquer outro constituinte (compostos e/ou solvente) presente nas soluções-amostras. Nas análises preliminares dos lotes disponíveis detetaram-se picos decorrentes de produtos de degradação do API, que evidenciaram alguma degradação do corticosteroide nas formulações. Tratando-se de formulações semissólidas, a degradação da substância ativa pode ter origem no processo de fabrico (condições operatórias) ou na própria formulação (reações do API com os excipientes). Com base nos resultados obtidos neste trabalho, ficou demonstrado que a degradação da substância ativa é maior em lotes com mais tempo de vida, o que sugere a existência de alguma instabilidade das formulações. Adicionalmente, nos estudos de compatibilidade efetuados à temperatura de 70ºC, durante 5 dias, verificou-se que o perfil de impurezas obtido na análise do API é diferente do perfil de impurezas obtido na análise das misturas binárias (API e cada um dos excipientes), corroborando a evidente degradação da substância ativa nas formulações. No final dos estudos de compatibilidade, foram identificados os constituintes que promovem maiores taxas de degradação da substância ativa. Caso se pretenda ter formulações mais estáveis até final do prazo de validade, estes excipientes deverão ser alvo de uma investigação minuciosa.
Related substances or degradation products are impurities formed by chemical change in the active pharmaceutical ingredient (API) developed during manufacture and/or storage of the drug product. This may be an outcome of the effect of light, temperature, pH or water, or a reaction with a given excipient. Due to the potential impact that impurities can have on safety and clinical performance of the drug product, they must be quantified, making this analytical method a parameter for the quality control of drugs.In this study, an analytical methodology was developed using HPLC-DAD for the determination of related substances in three semi-solid topical formulations (one ointment and two creams) containing the same active substance, a corticosteroid and several excipients. Corticosteroids are often used in topical formulations with the aim of decreasing levels of inflammation and reducing the activity of the immune system.The analytical method developed for the determination of related substances can detect impurity peaks and quantify them, without interference from any other constituent (component and/or solvent) present in the sample solutions. In the preliminary analytical tests performed with the available batches, some peaks were detected and identified as being degradation products of API, which evidenced the degradation of the corticosteroid in all formulations. In the case of semi-solid formulations, the degradation of the active ingredient may result from the manufacturing process (manufacturing conditions) or from the formulation itself (reactions of the API with the excipients). The results obtained herein showed the higher degradation of the active substance over time, which suggests that the formulations will not be stable. Additionally, in the compatibility studies carried out at a temperature of 70ºC, for 5 days, it was found that the impurity profile obtained in the API analysis is different from the impurity profile obtained in the analysis of binary mixtures (API and each of the excipients), confirming the evident degradation of the active substance in the formulations. At the end of the compatibility studies, the excipients yielding higher degradation rates were identified. In order to have stable formulations until their shelf life, these excipients should be the subject of a thorough investigation.
Description: Dissertação de Mestrado em Engenharia Química apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: https://hdl.handle.net/10316/103105
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
Dissertação de mestrado Isabel Costa.pdf20.26 MBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

30
checked on Feb 27, 2024

Download(s)

1
checked on Feb 27, 2024

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons