Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/88469
Title: Da venda pessoal ao comércio massificante – O caso de Cascais
Other Titles: Vom "Tante Emma-Laden" zum Massenbetrieb – Am Beispiel von Cascais
Authors: Encarnação, José d' 
Keywords: Mercado; Produtos locais; Grandes superfícies; A loja do bairro
Issue Date: Dec-2019
Publisher: Associação Luso-Hanseática
Serial title, monograph or event: Portugal-Post [Correio Luso-hanseático]
Volume: único
Issue: 66
Place of publication or event: Hamburgo (Alemanha)
Abstract: Apresenta-se como exemplo o caso de Cascais, uma vila nos arredores da capital portuguesa (Lisboa), para traçar uma panorâmica do que foi, em linhas gerais, a recente evolução do comércio, a partir de meados do século XX, desde a venda pessoal até ao actual comércio massificante, reflectindo-se sobre o que foi o pânico dos anos 60, com o aparecimento das grandes superfícies e o que é, nos nossos dias, o crescente apreço pelos produtos locais, vistos na óptica de ‘património’.
Description: O texto tem também versão em alemão, numa tradução de Karin von Schweder-Schreiner
URI: http://hdl.handle.net/10316/88469
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC Bibliotecas - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Da venda pessoal ao comércio massificante - O caso de Cascais.pdf1.18 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

47
checked on Jan 29, 2020

Download(s)

5
checked on Jan 29, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.