Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/48160
Title: A presença invisível dos conselhos locais de saúde
Other Titles: The invisible presence of local health councils
Authors: Miwa, Marcela Jussara 
Serapioni, Mauro 
Ventura, Carla Aparecida Arena 
Keywords: Conselhos de Saúde; Estudo de Caso; Participação Social; Health Councils; Case Study; Social Participation
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade de São Paulo, Associação Paulista de Saúde Pública
Serial title, monograph or event: Saúde e Sociedade
Volume: 26
Issue: 2
Place of publication or event: São Paulo
Abstract: Este artigo apresenta resultados de estudo sobre conselhos locais de saúde, ressaltando suas modalidades de atuação e as dificuldades enfrentadas em sua defesa e na promoção dos direitos dos usuários. Trata-se de estudo de caso, de abordagem qualitativa, sobre dois conselhos locais da cidade de Ribeirão Preto (SP), com utilização de entrevistas semiestruturadas, observação direta e análise de atas. Identificaram-se três categorias temáticas: invisibilidade dos conselhos; desconhecimento, descrença e dependência nos órgãos competentes; e alternativas para sair do anonimato. A baixa divulgação das reuniões, funções e atividades dos conselhos locais de saúde colaboram para a produção de sua invisibilidade. A sociologia das ausências auxiliou na compreensão de como as monoculturas hegemônicas podem reforçar essa invisibilidade. O ponto a ser ressaltado neste estudo diz respeito às alternativas apontadas pelos próprios conselheiros para se tornarem “visíveis” e fomentarem uma maior participação social, como: a capacitação de conselheiros e profissionais de saúde; maior interação com o Conselho Municipal de Saúde; maior divulgação das ações e realizações dos conselhos locais; e a criação de mecanismos que facilitem a identificação dos conselheiros.
This article presents results of a study about the Local Health Councils (LHC), emphasizing their performance and difficulties faced in order to defend and promote the rights of users. It is a case study, with a qualitative approach, about two LHCs in the city of Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil, using semi-structured interviews, direct observation and analysis of minutes. Three thematic categories arose from the analysis: invisibility of LHCs; lack of awareness, disbelief and dependence from competent agencies; alternatives in order to emerge from anonymity. Lack of dissemination of the meetings, functions and activities of the LHCs contribute to their invisibility. The Sociology of Absences supported the understanding of how hegemonic monocultures can reinforce the invisibility of LHCs. It is important to emphasize in this study the alternatives pointed out by members of the LHCs in order to become visible and stimulate social participation such as: capacity building strategies directed to health professionals; greater interaction with the Municipal Health Council; improve the dissemination of actions and achievements of LHCs; as well as mechanisms to facilitate the identification of LHC members.
URI: http://hdl.handle.net/10316/48160
ISSN: 0104-1290
1984-0470
DOI: 10.1590/s0104-12902017170049
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CES - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
A presenca invisivel dos conselhos locais de saude.pdf156.39 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

SCOPUSTM   
Citations

2
checked on May 29, 2020

WEB OF SCIENCETM
Citations

1
checked on May 29, 2020

Page view(s)

149
checked on Jul 8, 2020

Download(s)

94
checked on Jul 8, 2020

Google ScholarTM

Check

Altmetric

Altmetric


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons