Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/47544
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMoreira, Claudete Oliveira-
dc.contributor.authorSantos, Norberto Pinto dos-
dc.date.accessioned2018-02-11T18:47:08Z-
dc.date.available2018-02-11T18:47:08Z-
dc.date.issued2016-09-
dc.identifier.isbn978-989-20-6860-2por
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/47544-
dc.description.abstractO turismo fluvial é uma proposta de turismo náutico, produto estratégico no planeamento turístico português, que todavia, só pontualmente tem merecido a devida atenção. O rio Douro e alguns empresários que aí atuam, têm conseguido fazer singrar o turismo fluvial para ofertas muito atrativas. Todavia, no resto da País isso não tem acontecido de forma explícita. Sendo evidente que existem condições ótimas nos rios portugueses para a valorização deste tipo de turismo, este texto pretende identificar as propostas existentes no mercado, propor mais-valias associadas e definir elementos que permitam identificar pontos fontes e oportunidades, assim como pontos fracos e ameaças, dando ênfase a propostas de valorização e formas de oferta turística integrada. Para isso impõe-se uma especial tomada de atenção às relações entre os ambientes aquáticos e a oferta que pode ser encontrada nos territórios ribeirinhos, através dos seus modos de vida, das suas histórias, dos seus saberes-fazer e das suas paisagens tendencialmente anfíbias e por vezes lacustres. Sabendo que a água é um dos elementos que, no turismo, consegue níveis de satisfação e superação de expectativas muito significativas, propõe-se a apreciação dos territórios ribeirinhos e ambientes aquáticos enquanto espaços de oferta turística singular.por
dc.language.isoporpor
dc.publisherCEGOT - Centro de Estudos de Geografia e Ordenamento do Território e Faculdade de Letras da Universidade de Coimbrapor
dc.relationTrabalho cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do COMPETE 2020 – Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (POCI) e por fundos nacionais através da FCT, no âmbito do projeto POCI‐01‐0145‐FEDER‐006891 (Ref.ª FCT: UID/GEO/04084/2013)por
dc.rightsopenAccesspor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by/4.0/por
dc.subjectTurismo fluvialpor
dc.subjectTerritórios ribeirinhospor
dc.subjectDesenvolvimento localpor
dc.subjectAmbientes aquáticos não marítimospor
dc.subjectOferta turísticapor
dc.subjectOperadores marítimo-turísticospor
dc.subjectCruzeiros fluviaispor
dc.subjectMuseologiapor
dc.subjectAquamuseu do rio Minhopor
dc.subjectFluviário de Morapor
dc.titleTurismo fluvial em Portugal Continental: Oferta e potencialidadespor
dc.typebookPartpor
degois.publication.firstPage255por
degois.publication.lastPage271por
degois.publication.locationCoimbrapor
degois.publication.titleTerritórios de Água | Water Territoirespor
dc.peerreviewedyespor
item.languageiso639-1pt-
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
Appears in Collections:FLUC Geografia - Livros e Capítulos de Livros
Show simple item record

Page view(s) 50

484
checked on Dec 4, 2019

Download(s) 20

954
checked on Dec 4, 2019

Google ScholarTM

Check

Altmetric


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons