Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/26316
Title: A Literatura Guineense: Contribuição para a Identidade da Nação
Authors: Leite, Joaquim Eduardo Bessa da Costa 
Orientador: Laranjeira, José Luís Pires
Keywords: Identidade; Nação; Nacionalismo; Guiné-Bissau; Estado-nação; Literatura; Pós-colonialismo; Memória
Issue Date: 30-Jun-2015
Keywords: Identidade; Nação; Nacionalismo; Guiné-Bissau; Estado-nação; Literatura; Pós-colonialismo; Memória
Issue Date: 30-Jun-2015
Citation: LEITE, Joaquim Eduardo Bessa da Costa - A literatura guineense : contribuição para a identidade da nação. Coimbra : [s.n.], 2015. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/26316
Abstract: Neste trabalho sobre Literatura Guineense em língua portuguesa, temos como objetivo descrever, analisar e discutir a construção da identidade nacional de um jovem país, fragilizado por sucessivos golpes de Estado. A viagem pelas obras dos autores que constituem o nosso corpus permitiu apreender os temas e as estratégias discursivas que cada escritor, cada poeta, foi produzindo, em prol de um objetivo comum: a construção de uma identidade nacional no meio de uma pluralidade étnica. Procuramos perceber pela voz dos seus poetas, a convivência entre a História e a poesia guineense em língua portuguesa, desde 1951, ano do primeiro poema datado de Vasco Cabral, até à atualidade. Há muito que o espaço literário guineense deixou de ser um vazio. Esta Literatura possui, desde o seu começo, uma função didática, informativa e formativa que procurou, através das tradições e culturas, resgatar a identidade nacional. A Literatura Guineense está muito enraizada em referências históricas e na expressão das vozes plurais das várias etnias, que povoam este pequeno território. Procuramos compreender, por um lado, de que modo os autores guineenses, através das suas estórias ficcionadas, se têm antecipado à História. Por outro lado, encontrar, pela mão destes mesmos autores, os motivos que os desanimam e os principais interessados na criação de um Estado-Nação “falhado”. Refletimos o lugar da língua portuguesa, enquanto herança do invasor e espaço de interferências criadoras. Na terceira e última parte, procuramos destacar, das obras que constituem o nosso corpus, as marcas da identidade nacional, o seja, o que distingue os guineenses, no geral: os seus modelos educacionais, os símbolos e rituais, os heróis e os sabores da Guiné-Bissau.
On this work about Guinean Literature in the portuguese language, we aim to describe, analyze and discuss the construction of national identity of a young country, weakened by successive coups. The journey through the works of authors who constitute our corpus allowed the learning of themes and discursive strategies that every writer, every poet, was producing, searching a common objective: building a national identity in the middle off an ethnic plurality. We seek to understand throught the voice of their poets the coexistence between history and poetry in the portuguese language, since 1951, the year of the first poem dated of Vasco Cabral, until today. The Guinean literary subject is no longer an empty space. This Literature has since its beginnings, a didactic, informative and formative role that it sought, through the traditions and cultures redeem national identity. And is truly rooted in historical literature references and expression of plural voices of the various ethnic groups of this small territory. We seek to understand, on first hand, how the Guinean authors, through their fictional stories, have anticipated the history. On the other hand, find, by these same authors, the reasons that discourages them and the main mentors of creating of a nation-state "failed". We reflect the portuguese language’s place, as a legacy of the space invaded and creative interferences. In the third and final part, we seek to emphasize, through the works that constitute our corpus, the marks of national identity, is what distinguishes the Guineans in general: their educational models, symbols and rituals, heroes and flavors of Guinea-Bissau.
Description: Tese de doutoramento em Letras, área de Línguas e Literaturas Modernas, especialidade de Literaturas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, apresentada à Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/26316
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Secção de Português - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat
A Literatura Guineense.pdf2.18 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

750
checked on Aug 14, 2019

Download(s) 1

12,235
checked on Aug 14, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.