Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/10316/103398
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBatista, Claudia Bacelar-
dc.contributor.authorOliveira, Rozeane Santiago de-
dc.date.accessioned2022-11-10T14:43:35Z-
dc.date.available2022-11-10T14:43:35Z-
dc.date.issued2014-12-
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/10316/103398-
dc.descriptionDocumentos apresentados no âmbito do reconhecimento de graus e diplomas estrangeirospor
dc.description.abstractA relação médico-paciente passou por mudanças ao longo dos anos. Incentivado pelo modelo de ensino flexneriano, o surgimento de especialidades médicas contribuiu para essas mudanças, de maneira nem sempre positiva. Objetivo: Avaliar o papel das especialidades sobre a relação médico-paciente. Metodologia: Revisão sistemática de artigos científicos publicados entre 2007 e 2014 nas bases de dados LILACS, PUBMED e Scielo. Resultados: Com o advento das especialidades médicas ocorreram modificações na prática médica, tais como perda da empatia, redução do tempo das consultas, utilização excessiva da tecnologia, desconsideração da autonomia do indivíduo, fragmentação do saber, com repercussões negativas sobre a relação médico-paciente Discussão: As especialidades médicas representam um conhecimento mais específico sobre as doenças e métodos terapêuticos, mas favorecem o distanciamento entre médicos e pacientes e o exercício da medicina de maneira tecnicista, defensiva e sem as habilidades necessárias para o comprometimento humanístico. Conclusões: Os estudos apontam que a especialização da prática da medicina interfere negativamente na relação médico-paciente.pt
dc.language.isoporpt
dc.rightsopenAccesspt
dc.subjectRelação médico-paciente; Especialização; Ensino médico; Tecnicismo; Empatia.pt
dc.titleEspecialidades médicas e relação médico-pacientept
dc.typemasterThesispt
degois.publication.locationFaculdade de Medicina da Bahia da Universidade Federal da Bahiapt
dc.date.embargo2014-12-01*
thesis.degree.nameMonografia de Conclusão do Componente Curricular MED-B60/2014.2, como pré-requisito obrigatório e parcial para conclusão do curso médico da Faculdade de Medicinapt
uc.rechabilitacaoestrangeirayespt
uc.date.periodoEmbargo0pt
item.languageiso639-1pt-
item.cerifentitytypePublications-
item.grantfulltextopen-
item.fulltextCom Texto completo-
item.openairecristypehttp://purl.org/coar/resource_type/c_18cf-
item.openairetypemasterThesis-
Appears in Collections:UC - Reconhecimento de graus e diplomas estrangeiros
Files in This Item:
File Description SizeFormat
Rozeane-Oliveira_Monografia.pdfDocumentos apresentados no âmbito do reconhecimento de graus e diplomas estrangeiros227.85 kBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s)

21
checked on Nov 28, 2023

Download(s)

22
checked on Nov 28, 2023

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.