Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/87277
Title: Promoção de parentalidade positiva nos cuidados de saúde primários: Formação de profissionais
Other Titles: Promotion of positive parenting in primary health care settings: Training of professionals
Authors: Seabra-Santos, Maria João 
Azevedo, Andreia Fernandes 
Homem, Tatiana Carvalho 
Sousa, Daniela Sofia
Baptista, Elsa
Pimentel, Mariana 
Major, Sofia de Oliveira 
Gaspar, Maria Filomena 
Keywords: Parentalidade positiva; Cuidados de saúde primários; Idade pré-escolar; Formação de profissionais; Positive parenting; Primary health care settings; Preschoolers; Training of professionals
Issue Date: 2019
Publisher: PsychOpen
Project: Programa Iniciativas em Saúde Pública (PT06) 
Projeto 51SM4 
51SM4 
Serial title, monograph or event: Psychology, Community & Health
Volume: 8
Issue: 1
Abstract: Objetivo: Compreender o impacto de uma formação breve centrada em estratégias de parentalidade positiva e gestão do comportamento de crianças em idade pré-escolar no aconselhamento realizado por profissionais dos cuidados de saúde primários (CSP). Método: Participaram 152 profissionais (e.g., enfermeiros, médicos, psicólogos) de unidades dos CSP do distrito de Coimbra, numa ação de formação com duração de nove horas. O nível de satisfação com a formação, as estratégias recomendadas aos pais antes e três meses após a formação e a necessidade de formação percecionada foram avaliados através de três Inventários de Autorreflexão e de um Ficha de Avaliação de Satisfação. Resultados: Observaram-se níveis elevados de adesão à formação e de satisfação com os respetivos conteúdos e estratégias de ensino/aprendizagem. Os profissionais reportaram ter passado a aconselhar com mais frequência aos pais as estratégias de parentalidade positiva abordadas na formação e referiram a necessidade de formação adicional. Conclusão: Ações de formação junto de profissionais dos CSP poderão contribuir para preencher uma importante lacuna ao nível da literacia em saúde mental, capacitando estes profissionais de primeira linha para darem uma resposta de maior qualidade e baseada em evidência a questões colocadas pelos pais relativas à gestão do comportamento dos seus filhos.
Aim: To understand the impact of a brief training focused on positive parenting strategies and behavior management of pre-school children. Method: 152 professionals (e.g., nurses, doctors, psychologists) from primary health care units (PHCU) in the district of Coimbra have participated in a nine-hour training course. The level of satisfaction with the training, the strategies recommended to parents before and three months after the training and the perceived need for additional training were assessed through three Self-Reflection Inventories and a Satisfaction Assessment Sheet. Results: There were high levels of adherence to training and satisfaction with its content and teaching/learning strategies. After the training, professionals reported having more frequently recommended positive parenting strategies to parents and mentioned the urge of additional training. Conclusion: Training professionals from PHCU could contribute to filling an important gap in mental health literacy, enabling these first-line professionals to provide a higher quality and evidence-based response to questions raised by parents regarding the management of their children's behavior.
URI: http://hdl.handle.net/10316/87277
ISSN: 2182-438X
DOI: 10.5964/pch.v8i1.257
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CES - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Promocao de Parentalidade Positiva nos Cuidados de Saude Primarios.pdf592.53 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

68
checked on Oct 2, 2019

Download(s)

23
checked on Oct 2, 2019

Google ScholarTM

Check

Altmetric

Dimensions


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons