Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/84427
Title: Afetação de Recursos, Produtividade e Crescimento Económico em Portugal: uma análise por ramos de atividade
Other Titles: Resource Misallocation, Produtivity and Economic Growth in Portugal: an industry level analysis
Authors: Xavier, Ana Carolina Pinto 
Orientador: Simões, Marta Cristina Nunes
Bação, Pedro Miguel Avelino
Keywords: Produtividade Total dos Fatores; Crescimento Económico; Afetação dos Recursos; Distorções; Portugal; Total Factor Productivity; Economic Growth; Allocative Efficiency; Distortions; Portugal
Issue Date: 10-Jul-2018
Serial title, monograph or event: Afetação de Recursos, Produtividade e Crescimento Económico em Portugal: uma análise por ramos de atividade
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: A Produtividade Total dos Fatores (PTF) é um dos principais fatores explicativos do crescimento económico sendo também importante na explicação das diferenças registadas no desempenho económico entre países. No entanto, nos últimos anos o crescimento da produtividade tem vindo a diminuir nos países desenvolvidos, e Portugal não é exceção. Uma das componentes que influencia a PTF é a eficiência/ineficiência na afetação dos recursos pelos diferentes ramos de atividade. O presente estudo pretende analisar a existência de eficiência/ineficiência na afetação dos recursos em Portugal, para o período entre 2000 e 2015, entre diferentes setores de atividade, de que forma esta possa ter contribuído para um declínio significativo da produtividade e, deste modo, para o abrandamento do crescimento económico. Para tal utiliza-se um modelo de concorrência monopolística e dados setoriais, recolhidos junto do Instituto Nacional de Estatística, para se calcular as distorções presentes na economia. Os resultados indicam que as distorções na economia Portuguesa são elevadas, principalmente a distorção do capital, e que os ganhos potenciais da reafectação dos recursos em termos de Valor Acrescentado Bruto são elevados, permanecendo praticamente constantes ao longo do período considerado. Os ramos de atividade que apresentam distorções do capital mais elevadas são a indústria têxtil, vestuário e couro, as atividades de construção e os ramos de produção de bens não transacionáveis. Uma possível explicação para estes resultados prende-se com a má afetação do crédito por parte das instituições bancárias nas últimas décadas, que concentraram o crédito nos setores dos bens não transacionáveis e apoiaram muitas pequenas empresas pouco produtivas.
Total Factor Productivity (TFP) is one of the main drivers of economic growth and is also important in explaining the differences in the economic performance between countries. However, in recent years productivity growth has been declining in developed countries, and Portugal is no exception. One of the determinants of TFP is the efficiency/inefficiency in the allocation of resources across different sectors. This study analyzes the existence of efficiency/inefficiency in the allocation of resources in Portugal, over the period 2000-2015, between different sectors of activity, and how this may have contributed to a significant decline in productivity and, thus, to a growth slowdown. For this purpose, we used a model of monopolistic competition and sectoral data collected from the Portuguese Statistical Agency (INE) to calculate the distortions present in this economy. The results indicate that the distortions in the Portuguese economy are high, mainly the distortion of capital and that the potential gains from the reallocation of resources in terms of Gross Value Added are high, remaining practically constant throughout the period under analysis. The industries with the highest capital distortions are the textile, clothing and leather industries, construction activities and non-tradable goods sectors. One possible explanation for these results is the inefficient allocation of credit by the banking sector in the last decades, which channeled credit to the non-tradable goods sectors and supported many small, low productivity, firms.
Description: Trabalho de Projeto do Mestrado em Economia apresentado à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/84427
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
ACXavier_tp_final.pdf1.57 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

361
checked on Nov 13, 2019

Download(s) 50

376
checked on Nov 13, 2019

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons