Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/84405
Title: "Impacto do Consumo de Alimentos Ricos em Polifenóis no Eixo Intestino-Cérebro na Doença de Parkinson"
Other Titles: "Impact of Polypenhol-rich Food Consumption in the Intestine-Brain Axis in Parkinson's Disease"
Authors: Dias, Inês Marques de Matos 
Orientador: Augusto, Jorge Manuel da Rocha
Pereira, Sónia Margarida Neto Rosa
Keywords: Doença de Parkinson; Eixo Intestino-Cérebro; Inflamação e Stress Oxidativo; Microbioma Intestinal; Polifenóis; Parkinson´s Disease; Gut-Brain Axis; Inflammation and Oxidative Stress; Intestinal Microbiota; Polyphenols
Issue Date: 26-Jul-2018
Serial title, monograph or event: "Impacto do Consumo de Alimentos Ricos em Polifenóis no Eixo Intestino-Cérebro na Doença de Parkinson"
Place of publication or event: Faculdade de FArmácia da Universidade de Coimbra e Farmácia Nuno Alvares
Abstract: A Doença de Parkinson (DP) é uma das doenças neurodegenerativas mais comuns, caracterizada pela perda de neurónios dopaminérgicos. É geralmente diagnosticada já numa fase avançada da doença, onde os doentes apresentam sintomas motores que diminuem significativamente a sua qualidade de vida, além de que dificulta o seu tratamentoA comunicação entre o trato gastrointestinal (GI) e o cérebro, denominada Eixo Intestino-Cérebro, parece estar correlacionada com o desenvolvimento e progressão da DP. Esta interação é possível através de várias vias: neuronal, endócrina, imune ou metabólica. Este conhecimento abre a possibilidade de novas formas de atuação na DP, através de estratégias que foquem o trato GI. Neste contexto, a utilização de alimentos ricos em polifenóis surge como uma alternativa terapêutica promissora. Estas moléculas estão especialmente presentes na dieta Mediterrânea, rica no consumo de frutos e vegetais. Estes compostos têm propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes relevantes, bem como a capacidade de modular o microbioma intestinal, componentes críticos da comunicação intestino-cérebro e da patofisiologia da DP.A Doença de Parkinson (DP) é uma das doenças neurodegenerativas mais comuns. O diagnóstico da DP é realizado numa fase tardia, onde o doente apresenta sintomas motores (SM) graves e em que já há um elevado grau de neurodegeneração. Além disso, os fármacos utilizados não impedem a progressão da doença, apenas aliviam os SM. Assim, seria importante realizar um diagnóstico mais precoce e encontrar alternativas para a prevenção e tratamento da DP.
Parkinson's disease (PD) is one of the most common neurodegenerative diseases, characterized by the loss of dopaminergic neurons. It is usually diagnosed at an advanced stage of the disease, where patients have motor symptoms that significantly reduce their quality of life and make treatment difficult.Communication between the gastrointestinal tract (GI) and the brain, called the Gut-Brain Axis, seems to be correlated with the development and progression of PD. This interaction occurs through several pathways: neuronal, endocrine, immune or metabolic. This knowledge brings alternatives in PD management, using strategies that focus the GI tract.In this context, the use of polyphenol-rich food appears as a promising therapeutic alternative. These molecules are vastly present in the Mediterranean diet, due to fruit and vegetable consumption. These compounds have relevant anti-inflammatory and antioxidant properties as well as the ability to modulate the intestinal microbiome, critical components of GI-brain communication and the pathophysiology of PD.Parkinson's disease (PD) is one of the most common neurodegenerative diseases. The diagnosis of PD is performed at a later stage, where the patient has severe motor symptoms (MS) and in which there is already a high degree of neurodegeneration. In addition, the drugs used do not prevent the progression of the disease, they only relieve MS. Thus, it would be important to carry out an earlier diagnosis and to find alternatives for the prevention and treatment of PD.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/84405
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Documento_Único_Inês_Dias.pdf1.74 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

453
checked on Oct 2, 2019

Download(s) 50

379
checked on Oct 2, 2019

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons