Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/83677
Title: Avaliação do Consumo de Estatinas numa Farmácia Comunitária
Other Titles: Evaluation of Statins' Consumption in a Community Pharmacy
Authors: Pessoa, Sofia Ferrand Galiano Duarte 
Orientador: Lage, João Carlos Canotilho
Monteiro, Paulo Jorge da Silva
Keywords: Estatinas; Consumo; Questionário; Utentes; Farmácia Comunitária; Statins; Consumption; Survey; Patients; Community Pharmacy
Issue Date: 6-Jul-2017
Serial title, monograph or event: Avaliação do Consumo de Estatinas numa Farmácia Comunitária
Place of publication or event: FFUC e Farmácia São José
Abstract: As doenças cardiovasculares representam a principal causa de morte em todo o mundo. Estas apresentam como um dos seus fatores de risco as dislipidémias. As estatinas são os fármacos de primeira linha entre os antidislipidémicos, sendo dos fármacos mais prescritos e dispensados em todo o mundo, onde Portugal não é exceção. Apesar das estatinas serem medicamentos muito eficazes e seguros, estes apresentam diversos efeitos secundários, sendo os principais as afeções músculo-esqueléticas. Consoante o tipo de estatina, apresentam maiores ou menores interações medicamentosas e, em alguns casos, com o sumo de toranja. Possuem ainda algumas contraindicações nomeadamente durante a gravidez, amamentação e em casos de doença hepática. O consumo destes medicamentos pelos utentes mantêm uma tendência de crescimento não só em Portugal como no resto do mundo. Perante esta realidade, torna-se importante e necessário avaliar o consumo e o conhecimento dos utentes relativamente às estatinas. Nesta monografia, através da minha maior proximidade com os utentes durante o meu estágio em farmácia comunitária, tive a possibilidade de realizar um inquérito junto da população, de forma a melhor avaliar e intervir nesta problemática. Após questionar 35 utentes, verificou-se que o consumo de estatinas era mais prevalente no sexo feminino, demonstrando-se que a média de idades de toda a população inquirida era de 67 anos. Verificou-se ainda que a estatina mais consumida era a Sinvastatina 20mg e que a maioria dos utentes em estudo tomavam estes fármacos à menos de 5 anos.
Cardiovascular diseases represent the main cause of death all over the world. One of their risk factors is dyslipidemia. Statins are the first line treatment drugs among all lipid-lowering agents. These are one of the most prescribed drugs in the world, where Portugal is no exception. Even though statins are highly effective and safe, they show some adverse effects. The main ones are related to musculoskeletal problems. Depending on the statin type, they have more or less drug interactions and, in some cases, interactions with grapefruit juice. They also show contraindications mainly during pregnancy, breastfeeding and in cases of hepatic disease. The wide spread use of these drugs by the consumers reveal a positive growth rate, not only in Portugal but also in the rest of the world. Because of such reality, it is important and necessary to evaluate the level of consumption and the patients’ knowledge on statins. In this project, through my internship in a community pharmacy, I had the chance to implement a survey in order to find out the best way to act and evaluate among patients their consumption and knowledge about statins. This survey focused on 35 patients’ sample size. Findings revealed that statins’ consumption were higher on females. The age average of the participants in this study was 67 years old. Moreover, it was found out that Sinvastatin 20mg was the highest in demand and most of the patients in this sample had been taken these drugs for less than five years.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/83677
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Show full item record

Page view(s) 50

443
checked on Jan 15, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons