Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/35750
Title: Indecisão vocacional e generalizada: qual o papel da vinculação
Authors: Santos, Cátia Sofia Gomes 
Orientador: Ferreira, Joaquim Armando Gomes Alves
Keywords: Indecisão vocacional; Indecisão generalizada; Vinculação; Teoria da vinculação; Ensino Profissional; Orientação profissional
Issue Date: 2016
Serial title, monograph or event: Indecisão vocacional e generalizada: qual o papel da vinculação
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Ao longo da vida os indivíduos deparam-se com diversas situações que se traduzem em escolhas determinantes e muitas vezes complexas. Após o nascimento, a criança estabelece uma relação significativa com a figura cuidadora, sendo que a qualidade desta relação será fundamental ao longo de todo o seu desenvolvimento, influenciando o comportamento do individuo. A indecisão vocacional, conhecida como a incapacidade que o individuo tem em tomar decisões relativamente à sua vida profissional, e a indecisão generalizada, que se estende a todos os domínios da vida deste, são dois fatores influenciados pelo tipo de relação de vinculação estabelecida na infância. A indecisão vocacional é perspetivada, muitas vezes, como o resultado de interferências negativas entre fatores familiares e de desenvolvimento pessoal, assim, o objetivo central do presente estudo é averiguar as implicações da relação de vinculação na indecisão vocacional e/ou generalizada dos indivíduos. Foram também avaliadas as variáveis de ansiedade traço, autoestima global e dificuldades no processo de tomada de decisão. Participaram nesta investigação 391 participantes dos quais 42.3% são do sexo feminino e 57.7% do sexo masculino, frequentado 51.0% o ensino regular (escola secundária) e 49.0% o ensino profissional, repartindo-se pelo 10º ano (31.7%), 11º ano (38.0%) e 12º ano (30.3%) de escolaridade. Observaram-se diferenças estatisticamente significativas nos valores médios da Informação inconsistente (t=-2.432; p<0.05) e Indecisividade (t=2.240; p<0.05), em função do sexo, sendo no primeiro caso o sexo masculino a apresentar valores médios mais elevados e no segundo caso o sexo feminino.A regressão linear desenvolvida revelou uma contribuição significativa das variáveis do modelo, contribuindo deste modo para a predição dos ganhos em Certeza Vocacional. As variáveis com valor explicativo estatisticamente significativo, encontradas foram a Falta de Prontidão (ß=-0.248; p=.000) e Falta de Informação (ß=-.610 p=.000). Observou-se que no ensino profissional os sujeitos iniciam o 10.º ano com um nível maior de Certeza Vocacional que vai descendo no 11.º e 12.º ano de escolaridade. No ensino regular iniciam com um nível de Certeza Vocacional ligeiramente menor aos do ensino profissional que decresce quando os alunos ingressam no 11.º mas aumenta para um valor superior ao dos alunos do ensino profissional quando frequentam o 12º ano.
During life, people go through several situations that show specific and important choices which are difficult. Once the child is born, starts a strong relationship with the person that is responsible for the child. The quality of this relationship will be extremely important during the development of the child since it influences his/hers behaviour. The career indecision, known as the incapacity that the individual has while making decisions about his/hers professional life and the general indecision, that extends all of the fields of his/hers life, are two factors which are influenced by the attachment relationship established during the childhood. The principal goal of the present search is ascertain the relationship of the attachment in the vocational relationship in the career indecision and/or generalised of the individuals. The variables of anxiety/ global self-confidence and difficulties in the process of making a decision were also studied. The sample is formed by 391 students that are in the secondary school, or in the regular education or in the professional one. 391 participants took part in this research of which 42.3% are female and 57.7% are male, attending 51,0% the regular school (high school) and 49,0% the profissional school, allocated by 10th grade (31.7%), 11th grade (38.0%) and 12th grade (30.3%). Statistically significant differences were observed in mean values of inconsistent Information (t=-2,432; p< 0.05) and Indecision Level (t= 2,240; p< 0.05), on the basis of sex, being the male to submit higher average values in the first case (inconsistent information) and in the second case (Indecision Level) the female. Developed linear regression showed a significant contribution of model variables, contributing in this way to the prediction of earnings in Vocational Certainty. The variables with statistically significant explanatory value found were a lack of Readiness (ß=-0248; p=. 000) and lack of information (ß=-610; p=. 000). It was observed that in profissional school the subject starts the 10th grade with a higher level of Vocational Certainty that is dropped in 11th and 12th year of schooling. In regular education tge subject starts the 10th grade with a Vocational Certainty slightly lower than the subject of the profissional school, that decreases when the students enter the 11th grade, but increases to a value higher than that of professional school students when attending the 12th grade.
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento, apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/35750
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE MIP - Cátia Santos - 2016.pdf1.18 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

375
checked on Apr 1, 2020

Download(s) 50

208
checked on Apr 1, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.