Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/27202
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCanavarro, Maria Cristina-
dc.contributor.advisorMoreira, Helena-
dc.contributor.authorSimões, Ana Filipa dos Santos-
dc.date.accessioned2014-10-06T11:07:52Z-
dc.date.available2014-10-06T11:07:52Z-
dc.date.issued2014-07-22-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/27202-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde (Intervenções Cognitivo-Comportamentais nas Perturbações Psicológicas e Saúde), apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbrapor
dc.description.abstractA imagem corporal, de acordo com Cash (2002) pode ser definida como um construto multidimensional, que inclui perceções, atitudes e experiências do sujeito, relacionadas com o seu corpo e relativas ao tamanho, forma e estética do corpo (Cash, Ancis, & Strachan, 1997). Vários estudos têm demonstrado que a insatisfação com a imagem corporal é um aspeto fundamental na adaptação das crianças e adolescentes, particularmente daqueles que têm excesso de peso ou obesidade. O presente estudo tem como objetivo adaptar e validar a Escala de Silhuetas de Collins para crianças e adolescentes de ambos os géneros, com peso normal, excesso de peso e obesidade. Pretende ainda analisar a relação entre a insatisfação com a imagem corporal, o funcionamento psicológico e a qualidade de vida (QdV) das crianças e adolescentes. A amostra foi constituída por 591 crianças e adolescentes, de ambos os géneros, das quais 290 tinham peso normal, 104 tinham excesso de peso e 197 obesidade, com idades compreendidas entre os 8 e os 18 anos. Todos os participantes preencheram um instrumento que avalia a insatisfação com a imagem corporal (Questionário de Silhuetas de Collins), a QdV (Kidscreen-10) e o funcionamento psicológico (Questionário de Capacidades e Dificuldades). Os resultados indicaram que as crianças e adolescentes com excesso de peso e obesidade apresentam maior insatisfação com a imagem corporal do que as crianças e adolescentes com peso normal. Para além disso, foi possível verificar que, no grupo de peso normal e no grupo de excesso de peso, os adolescentes estão mais insatisfeitos com a imagem corporal do que as crianças. Paralelamente, os resultados demonstram ainda que, no grupo de peso normal e no grupo de obesidade, as raparigas estão mais insatisfeitas com a imagem corporal do que os rapazes. Os resultados encontrados mostram também que uma maior insatisfação com a imagem corporal está associada a mais problemas psicológicos e a pior QdV. Estes resultados evidenciam que a versão portuguesa da Escala de Silhuetas de Collins permite avaliar eficazmente a perceção dos jovens em relação à sua imagem corporal. Deste modo, dos resultados obtidos advêm importantes implicações clínicas, uma vez que uma maior insatisfação com a imagem corporal tem repercussões ao nível dos problemas psicológicos e da QdV, tornando-se assim um alvo de intervenção importante em crianças e adolescentes. Deve ainda dar-se primazia à prevenção e intervenção psicológica precoce, por equipas multidisciplinares que identifiquem e intervenham de modo eficaz nos problemas psicossociais que crianças e adolescentes com excesso de peso e obesidade enfrentam.por
dc.description.abstractThe body image, according to Cash (2002) can be defined as a multidimensional construct, which includes perceptions, attitudes and experiences of the subject, related to his body and relative to the size, form and aesthetics of the body (Cash, Ancis, & Strachan, 1997). Several studies have been demonstrating that the body image dissatisfaction (BID) is a fundamental aspect in the adaptation of children and adolescents, particularly of that which are overweight or obese. The objective of the present study is to adapt and to validate the Collins Body Image scale for children and adolescents of both genders, with normal weight, overweight and obesity. It also intends to analyze the connection between the BID, the psychological functioning and the quality of life (QoL) of children and adolescents. The sample was constituted by 591 children and adolescents, of both genders, of which 290 had normal weight, 104 were overweight and 197 were obese, aged between 8 and 18 years old. All the participants filled out an instrument that evaluates the BID (Collins Body Image Scale), the QoL (Kidscreen-10) and psychological functioning (Strengths and Difficulties Questionnaire). The results showed that the children and adolescents with overweight and obesity present higher BID than the children and adolescents with normal weight. It was also possible to understand that, in the group of normal weight and in the group of overweight, the adolescents are more BID than the children. In parallel, the results also demonstrate that, in the group of normal weight and in the group of obesity, girls are more BID than boys. The considered results also show that a higher BID is associated to more psychological problems and to a poorer QoL. These results bring to evidence that the Portuguese version of the Collins Body Image scale allows to evaluate efficiently the perception of youngsters regarding their body image. Therefore, from the obtained results derive important clinical implications, since a higher BID has repercussions in the psychological problems and in the QoL, thus becoming a target of important intervention in children and adolescents. Should still be given primacy to the prevention and precocious psychological intervention with multidisciplinary teams to identify and intervene effectively in the psychosocial problems that children and adolescents with overweight and obesity face.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectImagem corporal, criançapor
dc.subjectImagem corporal, adolescentepor
dc.titleAvaliação da (in)satisfação com a imagem corporal: estudo de validação da Escala de Silhuetas de Collins para crianças e adolescentes portuguesespor
dc.typemasterThesispor
degois.publication.locationCoimbrapor
degois.publication.titleAvaliação da (in)satisfação com a imagem corporal: estudo de validação da Escala de Silhuetas de Collins para crianças e adolescentes portuguesespor
dc.peerreviewedYespor
dc.identifier.tid201445131-
item.fulltextCom Texto completo-
item.languageiso639-1pt-
item.grantfulltextopen-
crisitem.advisor.researchunitCenter for Research in Neuropsychology and Cognitive Behavioral Intervention-
crisitem.advisor.orcid0000-0002-5083-7322-
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE - Ana Filipa Simoes.pdf1.23 MBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s) 10

813
checked on Aug 4, 2020

Download(s) 20

820
checked on Aug 4, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.