Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/25647
Title: Built environment and social environment: associations with overweight and obesity in a sample of Brazilian adults
Other Titles: Ambiente construído e ambiente social: associações com o excesso de peso em adultos
Ambiente construido y ambiente social: asociaciones con el exceso de peso en adultos
Authors: Velásquez-Meléndez, Gustavo 
Mendes, Larissa Loures 
Padez, C. 
Keywords: Meio Ambiente Construído; Meio Ambiente e Saúde Pública; Obesidade; Sobrepeso
Issue Date: 2013
Publisher: Escola Nacional de Saúde Pública, Fundação Oswaldo Cruz
Abstract: The aim of this study was to assess associations between the built environment and social environment and excess weight in an urban population. Participants were selected from the Surveillance System for Risk Factors for Chronic Diseases (VIGITEL). The study used data from the city of Belo Horizonte, Minas Gerais State, Brazil. A total of 3,425 interviews from the years 2008 and 2009 were used. Georeferenced data on parks, squares, and locations for physical exercise, population density, and food stores were used to assess the built environment. Description of the social environment used income and homicide rate for the neighborhood. Environmental variables associated independently with excess weight were population density, presence of parks, squares, and locations for physical exercise, and self-reported presence of locations for physical exercise. The findings show that residential neighborhood characteristics are associated with excess weight in urban adults. Os participantes foram selecionados com base no Sistema de Vigilância de Fatores de Risco para Doenças Crônicas (VIGITEL). O trabalho foi realizado com dados da cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Foram utilizadas 3.425 entrevistas referentes aos anos de 2008 e 2009. Informações georreferenciadas de parques, praças, lugares para a prática de atividade física, densidade populacional e estabelecimentos alimentares foram usadas para avaliar o ambiente construído. Para caracterizar o ambiente social foi utilizada renda e taxa de homicídio da vizinhança. As variáveis ambientais associadas independentemente com excesso de peso foram densidade populacional, presença de parques, praças e locais para a prática de atividade física e o autorrelato de locais para a prática de atividade física. As evidências deste estudo mostram que as características das vizinhanças onde as pessoas residem estão associadas ao excesso de peso de adultos do meio urbano.
O objetivo deste estudo foi avaliar as associações das variáveis do ambiente construído e social com o excesso de peso em uma população urbana. Os participantes foram selecionados com base no Sistema de Vigilância de Fatores de Risco para Doenças Crônicas (VIGITEL). O trabalho foi realizado com dados da cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. Foram utilizadas 3.425 entrevistas referentes aos anos de 2008 e 2009. Informações georreferenciadas de parques, praças, lugares para a prática de atividade física, densidade populacional e estabelecimentos alimentares foram usadas para avaliar o ambiente construído. Para caracterizar o ambiente social foi utilizada renda e taxa de homicídio da vizinhança. As variáveis ambientais associadas independentemente com excesso de peso foram densidade populacional, presença de parques, praças e locais para a prática de atividade física e o autorrelato de locais para a prática de atividade física. As evidências deste estudo mostram que as características das vizinhanças onde as pessoas residem estão associadas ao excesso de peso de adultos do meio urbano.
URI: http://hdl.handle.net/10316/25647
DOI: 10.1590/0102-311X00078112
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CIAS - Artigos em Revistas Internacionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
cias2013_44.pdf101.16 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

SCOPUSTM   
Citations

14
checked on Jun 25, 2019

WEB OF SCIENCETM
Citations

16
checked on Jun 25, 2019

Page view(s)

67
checked on Jul 16, 2019

Download(s)

32
checked on Jul 16, 2019

Google ScholarTM

Check

Altmetric


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.