Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/21851
Title: Rutura e reparação da aliança terapêutica na terapia familiar sistémica : um estudo exploratório com clientes involuntários
Authors: Leitão, Bárbara Sofia Neto da Cruz 
Orientador: Relvas, Ana Paula
Sotero, Luciana
Keywords: Terapia Familiar Sistémica; Aliança Terapêutica
Issue Date: 14-Sep-2012
Serial title, monograph or event: Rutura e reparação da aliança terapêutica na terapia familiar sistémica: um estudo exploratório com clientes involuntários
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O presente estudo exploratório tem como principal finalidade analisar o processo de rutura-reparação da aliança terapêutica num caso clínico terminado com uma família involuntária. O recurso ao System for Observing Family Therapy Alliances (SOFTA; Friedlander, Escudero, & Heathrington, 2006) permitiu identificar e caracterizar repetidos marcadores de rutura na aliança na 1ª e 4ª sessões e 2ª sessão de follow-up, manifestados na demonstração de comportamentos de confrontação e afastamento, interações familiares problemáticas e uma aliança cindida com o sistematerapeutas. Comprovada a reparação da aliança nessas três sessões terapêuticas, procedeu-se à caracterização das intervenções dos terapeutas que contribuíram para o fortalecimento da aliança. A análise observacional indica que o processo de reparação mais bem-sucedido ocorreu durante a 4ª sessão e envolveu a discussão direta da rutura e a redefinição das metas terapêuticas. Os resultados demonstram que a intervenção do sistematerapeutas ao nível da promoção do envolvimento dos clientes na terapia teve um impacto significativo no processo de reparação da aliança terapêutica.
This exploratory study mainly aims to analyze the therapeutic alliance rupture-repair process in a finished clinic case with an involuntary family. The use of the System for Observing Family Therapy Alliances (SOFTA; Friedlander, Escudero, & Heathrington, 2006) allowed to identify and characterized repeated rupture markers during the 1st and 4th sessions and the 2nd follow-up session, manifested in confrontation and withdrawal behavior, problematic within-family interactions and a split aliance with the therapists. Proven the alliance repair in these three therapeutic sessions, we analyse the therapists’ interventions which contributed to the strengthening of the alliance. The observational analysis indicates that the most successful repair process took place during the 4th session and involved the direct discussion of rupture and the redefinition of therapeutic targets. The results demonstrate that the therapists’ contribution to the engagement of clients in therapy had a significant impact on the repair process of the therapeutic alliance.
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia Clínica (Sistémica, Saúde e Família) apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/21851
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE Bárbara Leitão.pdf3.98 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 10

821
checked on Oct 21, 2021

Download(s)

174
checked on Oct 21, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.