Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/20812
Title: Satisfação corporal, auto-estima, autopercepção física e imagem dos instrutores de fitness
Authors: Carvalho, Ana Margarida de Almeida 
Orientador: Senra, Cristina
Keywords: Auto-estima; Imagem corporal; Fitness
Issue Date: 2003
Abstract: A imagem corporal e todas as preocupações que a envolvem tornaram-se no cerne da vida contemporânea, compreendendo assim que essas preocupações não sejam um processo individual mas sim colectivo dos tempos de hoje (Grande, 1997, citado por Pereira, 1999). O objectivo deste estudo assume como papel fundamental a imagem corporal dos instrutores de fitness, especificamente a satisfação corporal, auto-estima e autopercepção física, assim como a importância que estes atribuem a essa mesma imagem quando dão as suas aulas. A amostra deste estudo é constituída por 50 instrutores de fitness de várias modalidades, em que 25 são do sexo feminino e os outros 25 do sexo masculino. A média de idades é de 26,64 anos. Foram consideradas como variáveis dependentes a satisfação corporal, auto-estima e autopercepção física, e como varáveis independentes o sexo, anos de serviço e modalidade praticada. De forma a podermos abordar estes assuntos foi reunida uma bateria de questionários constituída pelos questionários de natureza biossocial (onde constavam, também, duas questões relacionadas com as estratégias utilizadas de forma a ultrapassar o cansaço e mau-humor e os aspectos de preocupação com a imagem durante as aulas de fitness), de satisfação corporal (Body Cathexis), auto-estima (Escala de Auto-estima de Rosenberg) e de Autopercepção física (Physical Self Perception Profile). Como grandes conclusões verificámos que o sexo masculino apresentou valores superiores ao sexo feminino relativamente à auto-estima e em três das dimensões da autopercepção física (condição física, aparência física e auto-estima física); à medida que aumentam os anos de serviço diminui a auto-estima; os instrutores de hidroginástica apresentaram uma auto-estima mais baixa que os instrutores de actividades de grupo e todos os instrutores de fitness se preocupam com a sua imagem quando dão aulas, sendo o factor fundamental de preocupação a roupa que utilizam. Uma das sugestões que propomos para futuros estudos nesta área é a de juntar à bateria de questionários utilizada a medição de pregas para medir a percentagem de gordura.
Description: Dissertação de licenciatura apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/20812
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Vários

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Monografia.pdf593.94 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

336
checked on Jul 23, 2019

Download(s) 5

4,054
checked on Jul 23, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.