Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/15617
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAlcoforado, Luís-
dc.contributor.authorTavares, Dina Gabriela Teixeira-
dc.date.accessioned2011-08-02T08:51:22Z-
dc.date.available2011-08-02T08:51:22Z-
dc.date.issued2010-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/15617-
dc.descriptionDissertação de mestrado em Ciências da Educação, especialização em Gestão da Formação e Administração Educacional, apresentada à Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbrapor
dc.description.abstractOs discursos sobre a importância da Aprendizagem ao Longo da Vida em termos pessoais e sociais têm vindo largamente a influenciar as políticas e directrizes europeias, e consequentemente as nacionais, no que diz respeito à Educação e Formação de Adultos. Este panorama reflecte-se em Portugal, nos dias de hoje, através da Iniciativa Novas Oportunidades, que impulsionou a implementação do Processo de Reconhecimento Validação e Certificação de Competências. Neste contexto, a presente dissertação pretende compreender de que forma a frequência/envolvimento dos adultos no processo de RVCC está relacionada com a mudança da auto-percepção de competências dos mesmos. Por outro lado, procura também entender a evolução da percepção dos projectos pessoais que os adultos revelam ao longo do mesmo processo. O Processo RVCC é amplamente sustentado pela abordagem das Histórias de Vida, suportada por modelos teóricos de reconhecimento pessoal, entre os quais salientamos a Teoria da acção comunicativa e a Aprendizagem transformativa. Não menos importante é a compreensão da concepção teórica da Percepção de Competências assim como dos Projectos Pessoais, que procuramos também aclarar de modo a sustentar conceptualmente este estudo. Trata-se de um estudo longitudinal, uma vez que o seu intuito é a percepção da mudança, tendo-nos apoiado quer numa metodologia quantitativa, quer qualitativa de recolha de dados. A partir deste estudo, podemos depreender que ao nível da percepção de competências não existem diferenças significativas ao longo do processo de RVCC, havendo, no entanto, mudanças que se fazem notar através da existência de correlações significativas entre as variáveis percepção de competência e autodeterminação (.424; p<.01); e, percepção de competência e projecto (.425; p<.01) no pré-teste; e a variável projecto e motivos extrínsecos (.505; p<.05), no pós-teste. Relativamente à percepção dos projectos pessoais podem também assinalar-se, neste estudo, algumas modificações interessantes, ao nível das categorias correspondentes aos projectos evidenciados pelos adultos.por
dc.description.abstractThe speeches about the relevance of lifelong learning at a personal and social level have been influencing widely the European and consequently the Portuguese policies and guidelines regarding Adult Education and Training. At the present time, these circumstances are also affecting Portugal, through the New Opportunities Initiative, by stimulating the implementation of the Recognition, Validation and Certification of Competences Process. Therefore, this dissertation intends to investigate in which way the adults’ participation/involvement in the process is related to the changes in the self-perception of their competences. On the other hand, it also aims to comprehend the evolution of the personal projects perception revealed by the adults during the process. The RVCC process is widely sustained by the Life Histories approach, supported by theory models of metacognition, among which we underline the Communicative Action and the Transformative Learning theories. It is also relevant to considerate the premises that sustain the Competences Perception as well as the Personal Projects theories, which we tried to elucidate in order to support conceptually our study. This is a longitudinal study, and its goal is the perception of change. Therefore, we have resorted to a quantitative as well as qualitative data gathering. Through our study we have concluded that, in what regards to competences perception, there are no meaningful differences during the RVCC process, but there are changes revealed by meaningful correlations between the variables competences perception and self-determination (.424; p<.01); and the competences perception and project (.425; p<.01) in the pre-test; and the variable project and extrinsic motives, (.505; p<.05), in the post-test. In what concerns to the perception of personal projects we can also perceive in our study some interesting changes, regarding the categories corresponding the projects revealed by the adults.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectProcesso de reconhecimento, validação e certificação de competênciaspor
dc.subjectProjectos pessoaispor
dc.titleO impacto do processo de RVCC na evolução dos projectos pessoaispor
dc.typemasterThesispor
degois.publication.locationCoimbrapor
degois.publication.titleO impacto do processo de RVCC na evolução dos projectos pessoaispor
dc.peerreviewedNopor
item.fulltextCom Texto completo-
item.grantfulltextopen-
item.languageiso639-1pt-
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dina Tavares - Dissertação de Mestrado.pdf1.68 MBAdobe PDFView/Open
Show simple item record

Page view(s) 50

305
checked on Nov 19, 2019

Download(s) 50

460
checked on Nov 19, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.